Chris Couto

  • Facebook
  • Pinterest
  • Twitter
  • Google+
Chris Couto

Crédito da foto: TV Globo / Willian Andrade.

Com 1,70m de altura e 63 quilos, a atriz e apresentadora Chris Couto esbanja pique e disposição. Aos 48 anos de idade e quase 30 de carreira, ela já passou por diversas emissoras brasileiras, mudou a cor dos cabelos várias vezes para interpretar personagens e se reveza entre novelas, filmes e apresentação de programas.

Em cartaz com o longa-metragem "Corpo" e no comando do "Café Filosófico", na TV Cultura, a "camaleoa" Chris Couto está satisfeita com sua careira. Feliz de ter voltado ao jornalismo, ela acredita que cinema é o sonho de toda atriz.

ENTREVISTA AO CYBERDIET

Você segue alguma dieta especial?

Depois dos 40 anos, acho que é legal escolher bem o que se come e principalmente quanto se come. Procuro me servir com porções menores sempre. Não consigo viver sem chocolate, mas não como todos os dias.

O que você mais evita comer para não engordar?

O que seria só a minha alimentação se eu pudesse: pão.

Costuma fazer exercícios físicos?

Sempre fiz. Faço musculação, bicicleta, pilates e caminho bastante. Quando não faço, sinto muita falta.

Você se submete a algum tratamento estético?

Só faço limpeza de pele com a esteticista Rita Nogueira. É sensacional!

Quais os outros cuidados que você tem com a beleza?

Sempre uso protetor solar, não durmo com maquiagem e cuido dos cabelos. Quando pinto os cabelos, também faço hidratação.

Já fez alguma cirurgia plástica?

Não fiz, mas não vejo problema algum em fazer. Gosto das minhas marcas de expressão. Por enquanto, elas não me incomodam.

Você sempre foi magra ou chegou a "brigar" com a balança?

Fui gordinha até os 13, 14 anos. Depois, fiquei bem magra até a gravidez da Maria. Engordei 12 quilos e demorei mais de um ano para recuperar a forma. Agora, estou só no controle.

Teve que mudar algo no visual por causa de trabalho?

Já tive que mudar a cor dos cabelos várias vezes. Acho que faz parte do processo, mas não gostei de ser "totalmente loira" quando fiz a Cláudia, personagem do filme "Diabo A Quatro".

Você ganhou destaque quando foi apresentadora da MTV. Como começou a atuar?

Na verdade, eu comecei a carreira fazendo teatro, depois fui para a MTV e comecei a fazer novelas. Atualmente, apresento o "Café Filosófico", na TV Cultura, e estou super feliz de voltar ao "jornalismo".

O jornalismo faz parte do seu dia-a-dia?

Assisto só a Globo News e, às vezes na academia, a CNN. Os programas de televisão que mais me chamam a atenção são o "CQC", da Band, e o "15 minutos", da MTV, com o Marcelo Adnet. No jornalismo impresso, leio a revista "Carta Capital".

Você já atuou nos três meios: teatro, TV e cinema. Qual é a sua preferência?

Cinema é tudo que uma atriz gostaria de fazer. Você pode estudar a personagem, ensaiar (como no teatro) e depois realizar com a imagem que vai ficar ali, para sempre, aquele momento único. Já fiz alguns filmes e adorei. Atualmente, estou em cartaz com "Corpo", filme que rodei em 2004, mas só estreou em maio deste ano.

O folhetim global "Malhação" também foi bem marcante em sua carreira. Você se identifica com o público jovem?

Gosto muito de trabalhar com jovens. Talvez gostemos das mesmas coisas: música, cinema, comportamento, livros, quadrinhos, teatro, shows e circo.

Qual foi o trabalho que mais gostou de fazer na televisão?

Acho que como atriz, o trabalho que mais gostei talvez tenha sido a Lenya, da novela "Um Anjo Caiu do Céu", da Globo. Como apresentadora, amei tudo o que fiz na MTV, meus trabalhos no "Vídeo Show" e agora no "Café Filosófico".

  • Facebook
  • Pinterest
  • Twitter
  • Google+

Comente

Últimas