Drenagem linfática com reflexologia: Uma união para diminuir a celulite

  • Facebook
  • Pinterest
  • Twitter
  • Google+
Drenagem com reflexologia

A drenagem linfática é uma grande aliada na prevenção da celulite e das gordurinhas localizadas. Imagine fazê-la ao mesmo tempo com a reflexologia? "A junção dos dois tratamentos favorece o alívio do estresse", explica a fisioterapeuta Érica Hitomi Takey.

Para Anna Anna Silvia Castro, que engordou oito quilos por descontar problemas na comida, o tratamento a ajudou a perder medidas e peso. "Eu não gosto de exercícios físicos, mas precisava emagrecer para me sentir bem. Para perder peso e ainda diminuir meu estresse fiz o tratamento. Juntei o útil ao agradável", conta.

A drenagem linfática é aplicada por meia hora em todo o corpo, usando cremes à base de cafeína, cânfora e outros princípios ativos que combatem a gordura localizada. "Em seguida, é feito um escalda-pés com sais relaxantes", esclarece Érica. "A reflexologia favorece a eliminação de toxinas, além de reduzir a tensão muscular e diminuir a ansiedade. Tudo isso auxilia na redução de medidas".

Depois da reflexologia são massageados pés e pernas até os joelhos por cerca de trinta minutos. "A intenção é estimular a circulação por meio da massagem na panturrilha, considerada o coração do sistema linfático".

Os efeitos da massagem refletem nos rins e intestinos. "A reflexologia favorece a eliminação de toxinas, além de reduzir a tensão muscular e diminuir a ansiedade. Tudo isso auxilia na redução de medidas", diz a fisioterapeuta.

A drenagem é indicada para quem sofre com retenção de líquidos, celulite e problemas circulatórios. "Para quem tem alergia a cosméticos, lesões na pele, insuficiência renal grave, o tratamento não é indicado", aconselha.

Segundo a especialista, em um mês já se nota mudanças no corpo. "Além da redução de medidas e de celulite a pessoa também perde peso. Muitas pessoas chegam a emagrecer até dois quilos por sessão", afirma.

Anna Silvia já fez as técnicas individualmente e não achou o resultado satisfatório. "Apesar das duas terem efeitos totalmente diferentes, a união me agradou muito mais. Além do resultado ser mais rápido", conta a professora. As sessões são semanais e o tratamento costuma durar de seis a dez semanas.

  • Facebook
  • Pinterest
  • Twitter
  • Google+

Comente

Últimas