Giovane Gavio

  • Facebook
  • Pinterest
  • Twitter
  • Google+
Giovane Gavio

O super astro da Seleção Brasileira de Voleibol sabe todos os segredos para manter o corpo na melhor forma.

Giovane conta que alimentação na hora certa é seu maior segredo, além, é claro, de "evitar as guloseimas". Antes de embarcar para Atenas, o craque conversou com Cyber Diet e confessou que, como bom mineiro, não dispensa doce de leite com queijo minas.

ENTREVISTA AO CYBER DIET

Como é a sua relação com a alimentação? Você é muito guloso? É do tipo de pessoa que pensa em comer o dia todo?

Minha relação com alimentação é normal. Faço as refeições na hora certa e tento não comer guloseimas.

Qual é o seu maior pecado da gula? Chocolate, doces, salgados. Especifique o alimento.

Como um bom mineiro, adoro doce de leite com queijo minas.

Que tipo de culinária é a sua predileta?

Mineira e italiana.

Qual o prato que dá água na boca e faz você até se esquecer das calorias?

Frango com quiabo e polenta.

Você cozinha? Quais suas especialidades

Adoro cozinhar. Dizem que faço um bom risoto de queijo grana e champanhe.

Você faz algum tratamento estético para manter a forma? Qual seu ritual diário de cuidados com a beleza?

Além de malhar diariamente nos treinos, uso produtos de barbear. Espuma hidratante, after shave e depois passo hidratante. Tudo da Biotherm.

Como é, no seu dia-a-dia de atleta olímpico, a relação entre exercícios físicos e alimentação? Você tem que seguir um cardápio específico e rígido?

Temos acompanhamento de nutricionista na Seleção. No centro de treinamento em Saquarema a alimentação é toda controlada e balanceada. Seguimos dieta constantemente.

Você faz ou já fez algum tipo de programa alimentar com o intuito de emagrecer?

Procuro sempre manter meu peso ideal para que na hora do jogar não sinta os joelhos doerem.

Qual, na sua opinião, é o caminho para quem quer emagrecer e conquistar o corpo ideal?

Acho que é importante a pessoa se conscientizar que deve emagrecer. Depois, seguir dieta de um profissional e fazer exercícios físicos.

Como você define o atual momento da sua carreira?

Acho que é verdade essa história que o vinho quanto mais velho melhor fica. Estou na minha melhor fase. Além da vitória olímpica em 1992, esses últimos três anos foram muito importantes.

Pensar no momento de parar de jogar mexe principalmente com o quê em você? Vaidade, lado financeiro? O Romário declarou há algumas semanas a dificuldade que ele tem de largar o futebol. Como você lida com isso?

Na verdade, penso e repenso quando irei parar de jogar. Acho que, enquanto meu corpo agüentar, estarei na quadra. Mas, quando eu resolver parar de verdade, acho que vou sofrer um pouco, pois jogar vôlei é minha grande paixão.

  • Facebook
  • Pinterest
  • Twitter
  • Google+

Comente

Últimas