Guerra às celulites

  • Facebook
  • Pinterest
  • Twitter
  • Google+

Conheça os tratamentos que mais trazem resultados na hora de eliminar os furinhos

Guerra às celulites  Conheça os tratamentos que ma

Não tem jeito, o inverno é um dos inimigos da forma física. Afinal, basta cair um pouco a temperatura para as academias esvaziarem. É, apesar da maioria das mulheres já estarem carecas de saber que a manutenção do corpo é a chave do sucesso, a falta de disciplina e força de vontade, infelizmente, vencem muitas vezes. Pois é, se isso fez você recordar o filme do inicio do verão passado quando entrou em crise ao experimentar seus biquínis da outra temporada e se deparara com um número ainda maior de celulites no bumbum, cuidado, com o passar dos anos emagrecer e manter tudo em cima vai ficando cada vez mais difícil.

Para nossa alegria, a tecnologia evoluiu e trouxe para o mercado estético incríveis novidade que vão te auxiliar manter o corpo em forma. Pois é, se você está insatisfeita com a aparência enrugada da sua perna, resultado do acúmulo de gordura e celulite, a dermatologista e diretora do Centro de Dermatologia e Estética - CDE, Cristine Carvalho, o problema não é apenas estético, as marquinhas afetam em cheio a autoestima das mulheres. "Muitas dizem que o incômodo estético atrapalha suas vidas: umas não tiram mais a canga, os shorts ou a bermuda na praia e/ou piscina; outras sentem medo que seus parceiros notem a celulite; algumas relatam que a celulite afeta sua vida sexual e há ainda as que se dizem frustradas com uma série de tratamentos para celulite que não fizeram efeito", conta a médica explicando que apesar das muitas inovações vistas na área de dermatologia, nenhum tratamento "emergiu, ainda, como o padrão-ouro para a celulite. "A maioria dos estudos mostra uma melhora de 25 a 50% da celulite, após vários tratamentos combinado, sendo que algumas pacientes têm melhoras ainda menores e os efeitos podem desaparecer ao longo do tempo". Ou seja, para ter resultados eficientes é preciso que as pacientes tenham em mente que só o tratamento estético não é suficiente.

De acordo com a médica, o único remédio ‘duradouro’ para a celulite é a boa alimentação e a prática regular de esporte. "É preciso deixar claro que a celulite é fruto de causas multifatoriais: alterações hormonais, má alimentação, sedentarismo, tabagismo, flacidez, gordura localizada, retenção líquida, má circulação, herança genética. E é justamente por isso que o tratamento da celulite demanda uma abordagem multidisciplinar. O problema deve ser atacado em diversas frentes: é preciso dieta, exercício, cremes, massagens, laser, ultrassom", diz Cristine Carvalho.

Agora, para quem busca aliados para poder declarar guerra às celulites, a médica explica que o tratamento depende do grau da celulite, da idade da paciente, do tipo de manifestação que se apresenta com mais intensidade naquela celulite, se há mais acúmulo de gordura localizada ou mais flacidez muscular e cutânea. Ainda de acordo com a dermatologista, os cremes anticelulites não devem ficar de fora da linha de frente nessa batalha. "Os cremes anticelulite e redutores oferecem uma pequena ajuda no tratamento da celulite. Mas isto depende do creme, dos seus princípios ativos e também do grau de celulite. Casos mais iniciais podem se beneficiar mais com o uso de cremes. Cremes anticelulite devem ser avaliados de preferência por um dermatologista para se saber se eles têm liporedutores e substâncias que realmente vão agir em algum ponto da celulite (cafeína, retinol, carnitina, elastinol+R, xantoxilina)", recomenda Cristine.

Já para os casos mais graves, o indicado é combinar os tratamentos de uso tópico com massagens, pois os movimentos ajudam na circulação sanguínea e, consequentemente, no inchaço causado pela retenção de líquidos. Gostou da dica e quer saber quais as massagens mais indicadas para acabar com as celulites? A dermatologista lista abaixo os três métodos mais eficazes para dar um fim aos inconvenientes furinhos.

Endermologia - uma mistura de massagem e sucção a vácuo feita com um aparelho que desliza sobre a pele em movimentos de sucção e rolamento. Melhora a circulação e a oxigenação local e ajuda a reduzir nódulos endurecidos. Sua grande vantagem é permitir que a intensidade da força seja regulada para cada grau de celulite, sem provocar flacidez cutânea;

Drenagem linfática - em qualquer tratamento de combate à celulite, a drenagem linfática é sempre um coadjuvante indispensável. "A massagem é feita com movimentos contínuos, suaves e ritmados, com o objetivo de estimular o sistema linfático, responsável pela eliminação de todas as toxinas do organismo. O efeito secundário da drenagem linfática é a estimulação dos rins, que passam a funcionar em velocidade mais acelerada, eliminando mais urina. Por essa razão, é comum o corpo desinchar logo após a primeira semana de tratamento", explica Cristine Carvalho. Existem aparelhos que conseguem efeitos semelhantes aos da massagem manual, mas é preciso ter domínio da aplicação, para não romper vasos;

Pressorterapia - esta massagem é um tipo de drenagem linfática mecânica, feita com equipamento computadorizado, que parece uma calça de náilon inflável. Quando acionado, faz um trabalho de compressão e descompressão, para ajudar na desintoxicação do sistema linfático. É um tratamento complementar para eliminar toxinas e deve ser evitado por quem tem problemas vasculares.

Por Paula Perdiz

  • Facebook
  • Pinterest
  • Twitter
  • Google+

Comente

Últimas