Mariana Kupfer

  • Facebook
  • Pinterest
  • Twitter
  • Google+
Mariana Kupfer

Educada, com boa formação, de família tradicional, além de bonita e famosa. Mariana Kupfer é o que podemos chamar de princesa moderna, apesar de muitos a considerarem "patricinha".

Ela teve formação bilíngüe, estudou nos Estados Unidos e na França, fez vários cursos de interpretação, mas sua carreira decolou mesmo com a participação no reality show do SBT, a Casa dos Artistas 2.

Desinibida, quando criança vivia dando shows particulares para a sua família, veia artística que a levaria ao programa de rádio de maior audiência no País, o Pânico, da Jovem Pan, do qual ela se despede esta semana, depois de mais de dois anos de participação.

Sempre preocupada com a estética e travando uma eterna batalha com a balança, Mariana conta a Cyber Diet que é muito gulosa e tem que viver se controlando. Mas ela confessa que quando a coisa aperta, é capaz de sair de madrugada para comprar um doce.

ENTREVISTA AO CYBER DIET

Você é muito gulosa?

Sou muito gulosa (responde tomando um iogurte light). Mas tento me controlar. O que não é nada fácil. Minha família é judaica, minha mãe é italiana. Dá para imaginar a comilança que é na minha casa!

O que faz você se descontrolar e comer mais?

A ansiedade. Tento driblar não tendo nada na minha casa que engorde demais. Moro sozinha e na minha geladeira só tem produtos light, assim como na despensa. Tenho um anjo da guarda que

trabalha comigo que prepara comidas sempre leves. Como sou vegetariana, ela faz muito peixe no vapor, legumes etc.

Qual o prato que dá água na boca e faz você até se esquecer das calorias?

Doces, chocolate, bolachas. Acredito na teoria que se não tem, não como. Mas quando a coisa aperta e surto, sou capaz de sair de madrugada para comprar. Mas prefiro não dar a primeira mordida.

Então você trava sérias batalhas com a balança?

Sempre, a vida inteira. Vivo de regime. Tenho muita tendência a engordar.

Você já fez algum tipo de programa alimentar?

Vários. Mas o que mais resolveu foi o que fiz com o Dr. Renato Lerner. Em 1995 meu pai foi internado com câncer e veio a falecer. Passei 9 meses no hospital com ele e foi o período mais difícil da minha vida. Engordei 15 quilos. Dois anos depois eu fui capa de todas as revistas femininas.

Durante a Casa dos Artistas 2 você engordou? Como fazia para se controlar?

Sim, quatro quilos. Lá era só o que a gente fazia: comer. Foi uma experiência muito diferente. Só quem passou sabe o que é.

Mudou muitas coisas na sua vida? Na sua personalidade?

Muito, aprendi muitas coisas. Sou muito mais tolerante hoje.

Profissionalmente também foi uma grande virada?

Muito. Foi maravilhoso. Imagina você estar direto na televisão e no horário nobre?

Que tipo de culinária é a sua predileta?

Japonesa, com certeza. Adoro sushi.

Você cozinha? Quais suas especialidades?

Não cozinho nada. Só ovo e macarrão instantâneo.

Além do controle da alimentação, você malha?

Sim, com personal, que é super compreensivo, pois não tenho tempo e tenho que adequar os horários. É difícil manter uma rotina, mas me obrigo a fazer musculação e alguma atividade aeróbica sempre que dá tempo.

Já fez alguma cirurgia plástica?

Sim, coloquei silicone há dois anos atrás. Foram 190 ml. Foi ótimo para mim. Era uma coisa que queria muito.

Qual, na sua opinião, é o caminho para quem quer emagrecer e conquistar o corpo ideal?

Reeducação alimentar é o que resolve. A alimentação certa. Mas é preciso disciplina, força de vontade e muita paciência.

Você acabou de sair do programa Pânico, da rádio Jovem Pan. O que pretende fazer daqui para frente?

Saí do programa, mas numa ótima. Foi um período maravilhoso para mim. Aprendi muito e, um dia, quero voltar a fazer rádio porque é apaixonante. Mas estou muito cansada e quero descansar um pouco e pensar no que vou fazer. Quando estamos na mídia somos cobrados o tempo todo.

Você pretende fazer televisão?

Sim, é o que quero. Televisão é um sonho para mim.

Atriz?

Não. Fiz a Oficina de Atores da Globo, mas não é a minha praia. Quero apresentar um programa, de preferência com adolescentes.

  • Facebook
  • Pinterest
  • Twitter
  • Google+

Comente

Assuntos relacionados: pânico casa dos artistas mariana kupfer

Últimas