Pele de pêssego

  • Facebook
  • Pinterest
  • Twitter
  • Google+

Conheça os tratamentos faciais que prometem rejuvenescer a pele

Pele de pêssego  Conheça os tratamentos faciais qu

Desfilar por aí com uma pele lisinha, sem vestígios de rugas ou marcas de expressão são algumas das preocupações das mulheres que, de tempo em tempos, não abrem mão de uma minuciosa inspeção em frente ao espelho em busca dos sinais que possam entregar sua idade biológica e, claro que, ano após anos, eles estão cada vez mais evidentes. Mas, será que é possível reverter as marcas do tempo e voltar a ter uma pele de pêssego? De acordo com a dermatologista Sandra Tagliolatto, as inovações tecnológicas têm auxiliado as mulheres a conquistar esse ideal de beleza.

Entre os dermatologistas, uma tendência forte para os tratamentos de pele é o uso do ultrassom, método antigo já utilizado em procedimentos pós-cirúrgicos e corporais. No entanto, o laser ainda ocupa lugar garantido entre os tratamentos faciais e aparece como um dos mais usados para eliminar manchas, principalmente as deixadas pelo abuso do sol. Segundo a dermatologista Mônica Felici, que participou do último Congresso Americano de Dermatologia de San Diego, a procura por técnicas cada vez menos invasivas e com foco na prevenção dos sinais de envelhecimento da pele estão aumentando dia a dia, o que estimula as pesquisas em busca de equipamentos capazes de retardar o envelhecimento da pele.

Uma das novidades que deve chegar ao Brasil no próximo mês e é apontado com a nova febre em todo o mundo é o Ulthera, que promove um lifting facial quase que imediato. "A Ultherapy é uma nova tecnologia de ultrassom indicada para flacidez de face e pescoço, ou seja, promove efeito lifting melhorando o contorno facial. Ela atua de maneira diferente de outras tecnologias já existentes. Promove aquecimento numa profundidade que nenhum outro equipamento atinge", explica a médica. Com sessões bastante espaçadas, uma sessão a cada seis meses, o tratamento tem suas contraindicações e não pode ser usado por gestantes e pacientes com alguma doença de pele no local da aplicação.

Outro procedimento que ganhou destaque durante o congresso foi o Clear & Brilliant, que tem sido apontado pelos especialistas como uma proposta diferente para tratamento facial. Trata-se de um laser de diodo fracionado 1440nm que melhora o tônus e o brilho da pele. Não é agressivo, não tem downtime (tempo de recuperação do paciente) e pode ser indicado para paciente que já fez laser ou tratamentos como botox e preenchimento, mas quer continuar a tratar a pele de forma preventiva ao envelhecimento. "O tratamento é ideal para prevenção do fotoenvelhecimento em pessoas mais jovens ou manutenção dos resultados para peles mais envelhecidas", afirma a médica.

Para as mulheres que sofrem com os poros dilatados, o Genesis Plus, laser de luz micropulsada, trata a maioria das alterações da pele, deixando-a renovada. "Devido ao aquecimento da derme, ocorre uma estimulação na produção do colágeno, o que leva à atenuação dos poros dilatados e das rugas finas. O resultado é uma melhora geral na textura da pele", esclarece Sandra completando que este tipo de laser não-ablativo pode ser aplicado na face, pescoço, colo e mãos. "Recentemente, ele começou a ser utilizado, com resultados consideráveis, também no tratamento das unhas, que apresentam alterações de texturas, como as estrias ungueais, descolamentos e micoses", completa.

A médica ainda afirma que os cuidados diários com a pele potencializam e prolongam o resultado e dá a dica: "o uso de filtro solar adequado ao tipo de pele, com produto para diminuir a oleosidade excessiva, hidratantes e/ou de antioxidantes, são os principais aliados para se conseguir uma pele de pêssego".

Por Paula Perdiz

  • Facebook
  • Pinterest
  • Twitter
  • Google+

Comente

Últimas