Pele protegida do sol

  • Facebook
  • Pinterest
  • Twitter
  • Google+

Alimentos que protegem a pele dos efeitos do sol

Alimentos que protegem a pele dos efeitos do sol

Apesar do verão estar chegando ao fim, o calor ainda não deu trégua. Por isso, se você não dispensa os finais de semana para curtir o que resta da estação na praia ou piscina, algumas dicas ainda são bastante válidas para quem não quem não abre mão de estar sempre bonita. A pele precisa de cuidados especiais quando se trata da exposição solar.

De acordo com a nutróloga Sylvana Braga, nos períodos de exposição ao sol, mesmo nos horários mais convenientes e com o uso de protetores, uma alimentação saudável é indispensável para quem quer manter a pele saudável e, os alimentos funcionais, podem auxiliar a fotoproteção da pele, melhorando sua cor, textura e brilho. Para manter o bronzeado por mais tempo, a sugestão da especialista é uma alimentação rica em carotenóide, que é uma das substâncias mais importantes para a pele, já que contribuem para a nutrição e proteção do dano da pele sob a luz solar.

Ainda segundo a médica, o carotenóide é um excelente antioxidante natural que pode combater os radicais livres de oxigênio, que são um dos mais danosos à pele. Os radicais livres podem atacar o DNA, o material genético das células e provocar mutações, principalmente o câncer. "Há cerca de 600 carotenóides na natureza. Os mais comuns são o betacaroteno ou o licopeno, excelentes fotoprotetotes que diminuem as radiações de ultravioleta e as lesões das mesmas sobre a pele", explica Sylvana. As altas concentrações de licopeno e betacaroteno também alteram a permeabilidade da membrana da célula às toxinas, ao oxigênio e aos metabólitos locais, contribuindo para que a pele fique mais hidratada.

Para quem gostou da sugestão e quer apostar nos alimentos amigos da pele, a nutróloga lembra que as frutas de coloração amarela contêm até quatro vezes mais betacarotenos que os vegetais folhosos como espinafre, couve, agrião e brócolis. Ou seja, se você quer manter a cor do verão por mais tempo, o ideal é consumir os alimentos ricos em carotenoides, como, por exemplo: cenoura, laranja, caju, damasco, melão, melancia, batata doce, pimentão vermelho e amarelo, abóbora, pequi, dendê, tomate, salsinha, pupunha, abricó, buriti, gema e alga marinha.

Por Paula Perdiz

  • Facebook
  • Pinterest
  • Twitter
  • Google+

Comente

Últimas