Saiba como evitar as manchas de verão

  • Facebook
  • Pinterest
  • Twitter
  • Google+
Saiba como evitar as manchas de verão

Cuidado com a manchas de verão. Sem perceber, o lanchinho ou caipirinha na praia pode trazer sérias complicações para a saúde da pele.

É verão e as cidades fervem. As praias, piscinas e clubes estão lotados. Muita gente se expõe ao forte sol para garantir o bronzeado tão valorizado. Porém, o aspecto estético não pode se sobrepor à saúde, certo? O banho de sol sem cuidados pode levar ao câncer de pele e ao foto-envelhecimento com formação de manchas e rugas.

A exposição ao sol deve ser evitada entre 10 e 15h, quando os raios ultravioletas estão mais fortes. Caso se tome sol nesse período, o uso de protetor solar com fator alto é imprescindível. Outro cuidado é evitar o excesso de exposição ao sol. "As pessoas

que costumam tomar sol em excesso apresentam sinais de envelhecimento e lesões de pele já aos 21 anos", alerta a dermatologista e membro da Sociedade Americana de Dermatologia Ana Lúcia Recio, de São Paulo.

Esses sinais muitas vezes começam com as chamadas "manchas de verão". Para evitar os problemas é necessário conhecer a maneira certa de usar o filtro solar. Segundo Recio, o fotoprotetor solar deve ser aplicado de 20 a 30 minutos antes da exposição ao sol, para que haja tempo do produto ser absorvido e agir de forma adequada.

"O filtro solar deve ser passado em todas as áreas que vão ficar expostas, exceto os olhos, deve-se evitar as pálpebras inferiores e superiores. Existem produtos irritantes. Se escorrer para os olhos e causar ardor ou irritação, o melhor a fazer é enxaguá-los imediatamente com água abundante", explica a especialista.

O protetor solar também deve ser aplicado nas orelhas, no dorso das mãos e no peito dos pés, áreas freqüentemente esquecidas. Ela lembra também que, mesmo quando for ficar vestido, o ideal é passar filtro solar antes de colocar a roupa. "É que a radiação solar passa através de alguns tipos de tecidos, principalmente se estiverem molhados. Uma camiseta branca, por exemplo, confere pouca proteção e permite a passagem da radiação ultravioleta".

Caipirinha - Outras manchas comuns no verão são causadas pela brasileiríssima caipirinha. É necessário evitar o manuseio de limão e laranja em contato com o sol, pois eles contêm substâncias que provocam queimaduras com bolhas e manchas. Após saborear aquela deliciosa caipirinha, a dica é lavar bem as mãos e a boca antes de se expor ao sol, orienta a especialista.   

  • Facebook
  • Pinterest
  • Twitter
  • Google+

Comente

Últimas