Tratamento de pele para cada idade

Os cuidados já podem começar a partir dos 20 anos

Tratamento de pele para cada idade

As mulheres costumam se preocupar com os sinais da idade a partir dos 30 anos, no entanto, você pode se adiantar. É possível precaver o envelhecimento da pele desde os 20 anos, mas com mais leveza. Cada faixa etária precisa de cuidados específicos para manter a tez sempre limpa e jovem.

De acordo com a dermatologista Annia Lourenço existem dois tipos de envelhecimento: intrínseco e extrínseco: "Aquilo que herdamos, nossa tendência como peles mais finas, brancas e sensíveis, é a chamada pré disposição intrínseca para o envelhecimento. Já o ambiente ao qual estamos expostos, a nossa má alimentação, o estresse, o uso do cigarro, a perda e ganho de peso, são os fatores extrínsecos que colaboram para o envelhecimento precoce e são esses que podemos e devemos controlar para chegarmos ao futuro com uma pele mais saudável", explica.

A partir de 20 anos, é recomendado hidratar a pele, cuidar contra a acne (para evitar cicatrizes) e usar filtro solar. "As pessoas têm tipos e tendências de peles muito diferentes, por isso, podemos seguir uma regra básica; filtro solar desde sempre e tratamento específico desde que os primeiros sinais apareçam, como as linhas ao redor dos olhos e na testa", afirma Annia.

Dos 20 aos 30 anos já estão liberados os cremes anti-idade, ácido glicólico (contra cicatrizes e envelhecimento), produtos com vitamina C (antioxidante) e filtro solar. O objetivo é manter a jovialidade da pele, mas sem exageros. A pele ainda produz colágeno com agilidade, ainda está lisa e as rugas estão longe de aparecer rapidamente. Foque em manter a tez lisa, hidratada e sem células mortas.

Já dos 30 aos 40 anos, o quadro fica mais complexo, pois a produção de colágeno diminui e as rugas começam a aparecer. Nesta segunda faixa etária é recomendado tratamento antiflacidez leve, para os olhos (botox, luz pulsada, laser ablativo e não ablativo para manter o e preenchimento em alguns casos). A partir os 50 anos, os tratamentos são mais incisivos e personalizados.

Por: Caroline Sarmento


Comente

Assuntos relacionados: beleza pele

Últimas