A mala de viagem ideal

Veja os itens que você não pode esquecer na hora de viajar
  • Facebook
  • Pinterest
  • Twitter
  • Google+
A mala de viagem ideal

Destino escolhido, passagens compradas, amigos, família, namorado, todo mundo já sabe quando a viagem vai acontecer. Tudo certo, não é? Nada disso! Falta uma coisa importantíssima: sua mala. Se você ainda não pensou a respeito do que vai levar, seja para a praia, o campo ou outra cidade badalada no próximo verão, chegou a hora de fazer a seleção dos itens que não podem faltar de modo algum.

A primeira preocupação sempre recai sobre escolher as melhores combinações entre blusas, saias, calças, sapatos, sandálias e acessórios. Mas em um tempo tão quente quanto o verão, é importante que alguns outros itens também tenham presença carimbada em sua mala para que, além de linda, fique protegida e saudável durante toda a viagem.

Existem algumas dicas "salva-vidas" na hora de montar. Para as roupas, escolha as mais adequadas com a época do ano e o destino escolhido, além disso, opte por um tamanho de mala prático para carregar e prefira sempre aquelas com frasqueiras pequenininhas que você pode levar no colo durante viagens de avião e que são mais práticas para levar dentro de ônibus e carros.

Priscila Bueno, gerente médica da Dermacyd tem dicas incríveis para ajudar na sua organização. Veja:

• Higiene e saúde íntima:

Para cuidar bem da região íntima fora de casa, a dupla absorvente e lenço íntimo são indispensáveis, já que a higienização pode acontecer a qualquer hora, mesmo se você estiver em lugares pouco confortáveis. Prefira produtos hipoalérgicos e com pH ácido e consulte seu médico para que ele indique as melhores opções. O sabonete líquido íntimo é outro aliado que ajuda na proteção da região íntima, neutralizando possíveis odores e oferecendo uma sensação de bem-estar.

A escolha da calcinha também está diretamente ligada à saúde íntima da mulher. Não há problema algum em escolher um modelo mais romântico ou sexy, mas para o dia a dia, prefira as calcinhas de algodão em relação às de tecido sintéticos, como a lycra. E durma sem calcinha sempre que possível. Isso ajuda na ventilação da área íntima e diminui a probabilidade de desenvolver fungos e doenças.

• Pele:

O protetor solar é peça-chave nas bolsas em qualquer época do ano, mas nos dias quentes o esquecimento é proibido. Avalie com seu dermatologista qual o melhor tipo para sua pele e quais as indicações de uso, caso necessite de algo mais particular. No mesmo patamar estão os hidratantes, que podem ajudar a controlar a oleosidade da pele ou o ressecamento em excesso, principalmente com a ação da areia, água do mar e da piscina, sol e suor.

• Cabelos e unhas:

Os cabelos, geralmente, são os que mais sofrem no verão pela exposição ao sol porque acabamos nos esquecendo deles. Elásticos e grampos servem para emergências, mas prefira os prendedores com revestimentos macios e evite prender o cabelo quando molhado. As unhas também carecem de cuidados. Leve lixa simples, removedor de esmaltes e um fortalecedor. Dica: coma bastante gelatina ou use produtos com colágeno. Essa substância ajuda a fortalecer cabelos e unhas deixando-os muito mais saudáveis.

• Higiene bucal:

Escova, enxaguante bucal, creme e fio dental é tudo o que você precisa. Pode parecer coisa demais para apenas uma parte do corpo, mas quando o assunto é cuidado com a boca, todos os esforços valem a pena. O produto funciona como aquele item coringa que, além de complementar a higienização, pode dar aquela forcinha quando falta tempo para realizar a escovação.

• Cuidado com os olhos:

Aposto que você nem se lembraria disso se não dedicássemos um tópico especial, mas os olhos também sofrem bastante com os diversos ambientes e situações a que são expostos ao longo do dia. É hiper válido manter na nécessaire um colírio de sua preferência. Ele ajudará a aliviar a irritação e vermelhidão causadas pela ação da poeira, vento, calor, fumaça e gases irritantes. E não se esqueça de consultar um oftalmologista que possa indicar o melhor produto específico para você.

• Maquiagem e cosméticos:

Você, com certeza, já estava ansiosa para incluir a maquiagem na bolsa, não é? Totalmente compreensível, mas, caso não tenha muito espaço disponível, garanta o básico: corretivo, lápis de olho, rímel, blush e um batonzinho de cor neutra.

Em dias mais quentes, a pele tende a ficar mais oleosa graças ao suor, desse modo, não se esqueça do demaquilante, que pode ser em formato de lenço para ocupar menos espaço e ser mais prático. Produtos com protetor solar e desodorante também são bem-vindos.

• Higiene geral:

Desde aquela epidemia da gripe H1N1 (lembra?), as pessoas acostumaram a levar sempre consigo um frasquinho de álcool em gel. E aproveitando o ensejo, carregue um com você também, pois em momentos em que não é possível lavar as mãos, ele pode ser muito útil. Utilize o álcool em gel sempre que as mãos tiverem contato com locais de grande circulação de pessoas, como ônibus e metrô, e, principalmente, caso vá comer alguma coisa em barraquinhas e quiosques na rua, onde existem poucas possibilidades de higienizar as mãos de modo mais apropriado.

Veja aqui outras dicas do que levar na sua viagem de avião:

Contatos: Priscila Bueno - Gerente médica da Dermacyd

Juliany Bernardo (MBPress)


  • Facebook
  • Pinterest
  • Twitter
  • Google+

Comente

Assuntos relacionados: bem estar viagem comportamento viajar malas

Últimas