Acorde cedo!

5 passos para driblar a rotina e treinar pela manhã

5 passos para driblar a rotina e treinar pela manh

Prazos apertados, reuniões de última hora e refeições improvisadas são rotina para você? Ou seja, tempo para cuidar de si, nem pensar. Mas, como ficar com corpo em forma se na sua agenda não há espaço para a malhação? Um problema corriqueiro nas pessoas que não conseguem montar uma rotina de treino por causa do trabalho é o fato das aulas serem programadas para o final do dia, horário no qual a maioria dos problemas tendem a aparecer e, apesar de parecer uma resolução um pouco óbvia, readaptar horários e transferir os treinos para a manhã é uma das melhores alternativas.

Tudo bem, sabemos que o pior do que as mudanças de horário é ter disposição para malhar durante a manhã. No entanto, essa é uma das formas mais eficientes de incluir os exercícios físicos no seu dia a dia sem que eles se transformem em mais uma tarefa pendente que no final só causará frustação. Nunca foi uma pessoa da manhã, mas gostou da dica e está pensando seriamente nessas mudanças e está a fim de se transformar em um ‘atleta matinal’? Veja algumas dicas que separamos para te incentivar durante o processo de adaptação.

Acorde mais cedo - apesar do processo de mudança de horário ser lenta é possível disciplinar o seu corpo a dormir um pouco mais cedo. Mas, não adianta querer dormir 1 hora mais cedo de uma hora para outra, vai ser quase impossível. Agora se você fizer a adaptação gradativamente, dormir 15 minutos antes do seu horário a cada dia, em alguns dias conseguirá disciplinar seu corpo a antecipar seu sono. E assim gradativamente, quando se der conta em poucos meses conseguiu estabelecer um novo padrão de sono;

Estipule metas reais - esse é um dos itens mais importantes, já que é o fator determinante para fazer você levantar ou não da cama. Afinal, quem não tem um bom motivo para acordar mais cedo simplesmente não consegue se desvencilhar dos lençóis. Se você odeia acordar cedo, mas precisa praticar exercícios, por exemplo, e esse seria o único horário disponível, estabeleça esse propósito na sua mente. Pense sempre nos resultados que levantar naquele horário poderá trazer para você, para a sua saúde. Se não tem um por que, a preguiça fala mais alto!

Escolha o exercício que combine com a sua personalidade - não gosta de correr? Então, não opte pela esteira. O grande segredo para as realizações darem certo é se sacrificar um pouco para fazer aquilo que realmente gosta, seja o que for. A escolha é sua.

Compartilhe seus objetivos nas redes sociais - para as pessoas que precisam de comprometimento, firmar um compromisso publicamente é um incentivo duplo, uma vez que a reafirmação constante faz com que a pessoa se comprometa ainda mais com os resultados, sem contar com o apoio dos amigos, familiares ou pessoas que estão passando por essa mesma situação.

Malhe em dupla - no começo, fazer exercícios sozinha pode ser muito desestimulante, por isso, a dica é encontrar alguém que compartilhe da mesma necessidade que você. Isso é bastante positivo pois nos dias de desânimo uma irá apoiar a outra.

Por Paula Perdiz

Comente

Últimas