Como arrumar o guarda-roupa?

Como arrumar o guardaroupa

Jogue a primeira echarpe velha a mulher que nunca surtou diante de um guarda-roupa bagunçado? Ou a que não desmoronou prateleiras e tirou todos os cabides do lugar à procura daquela regatinha básica? Ter o espaço onde colocar suas roupas muito bem organizado além de lhe dar tempo, pode garantir sanidade.

A personal stylist Manu Carvalho dá tanta importância para o guarda-roupa que organizou até uma série de sugestões que pode facilitar (e muito) sua vida. "A melhor maneira de arrumar é deixar os itens em locais de fácil acesso, para que se encontre rapidamente o que procura", sugere. Aí, vale organizar por cor, tipo de peças, estação ou por frequência de uso. "Uma dica para encontrar as roupas mais facilmente é que as peças fiquem sempre organizadas e bem expostas. Dessa maneira, inclusive, nenhuma peça é esquecida".

Mas não basta apenas organizar bem. É preciso atenção na maneira como a roupa é guardada, já que isso pode garantir sua conservação. "As roupas devem ser guardadas tentando-se manter seu estado original, para não deformá-las. Isso se deve à qualidade ou à natureza do material", explica Manu. Os tecidos planos, por exemplo, devem ser pendurados em cabides, assim como os casacos, mas as malhas não. "A fibra pode esticar e muitas vezes não volta para o lugar". Cuidado se você é daquelas bem práticas que adora uma arara. Com o tempo, deixar as roupas expostas pode fazer mal para as peças, pois acumulam pó.

Casacos e malhas pouco usados podem ser guardados em capas e sacos. "O ideal é o de TNT, material permeável que permite ventilação às peças. Os de plástico não deixam os tecidos respirarem". Caso a única opção sejam as capas de plástico, há um truque, indicado por Manu: pegue um furador e faça vários furinhos no plástico, assim ele não fica tão fechado e permite circular o ar.

Para escolher o melhor cabide, avalie a roupa que vai pendurar. Calças, saias e tops merecem aqueles básicos, finos e com espumas. Se a roupa for mais larga, vale apostar nos cabides de alfaiataria. "Cabide acolchoado vale para tops em materiais mais delicados".

Se você é daquelas que adora enrolar meia, lingerie e biquíni, corra já reorganizar a gaveta - ideais para peças pequenas. Elas podem perder a elasticidade se guardadas assim. "Sutiãs de bojo devem ficar abertos um em cima do outro, para não amassarem ou dobrarem e perderem a estrutura".

Cintos, principalmente os de couro e materiais sintéticos, devem ficar pendurados retos e também não devem ser enrolados, e botas de cano alto devem ter algum enchimento para manter os canos em pé, para não amassá-los. A dica de Manu com relação às bolsas é deixá-las naturalmente em pé ou deitadas. "Seguir o estado natural da bolsa é a melhor maneira de guardá-la e conservá-la".

Por Sabrina Passos (MBPress)

Comente

Últimas