Coração de mãe

  • Facebook
  • Pinterest
  • Twitter
  • Google+
Coração de mãe

O dia das mães é comemorado em quase todos os países do mundo. Uma das principais razões para a existência dessa comemoração é que ela exalta o amor dos filhos pelos pais e fortalece os laços familiares.

Este ano comemoraremos o dia das mães chocados pela morte de uma menina de 5 anos, Isabella Nardoni. As investigações levantam fortes suspeitas de que ela tenha sido morta pelo pai e pela madastra. Caso isso seja verdade, essa aberração, por mais cruel que seja, não pode destruir a convicção e a esperança de quem acredita no amor dos pais pelos filhos. O dia das mães sempre realça e valoriza o que há de bom no coração das pessoas.

A violência praticada contra crianças no ambiente doméstico não ocorre apenas nas famílias mais pobres. Ela está presente também nas outras classes sociais. As estatísticas indicam maior ocorrência em famílias pobres por que nas outras classes sociais nem sempre a violência é denunciada.

As crianças que não apanham dos pais são menos agressivas e mais propensas a resolver conflitos pelo diálogo. Palmadas nem sempre são eficientes para ensinar a criança a não repetir o erro pelo qual está sendo punida. A melhor forma de lidar com situações de indisciplina é aplicar um castigo proporcional à desobediência, no momento em que ela ocorre. Somente assim o castigo terá um efeito educativo.

Os pais conseguirão resultados melhores conversando com os filhos sobre o que é desejável e o que deve ser feito, e não apenas sobre o que não pode ser feito. O diálogo deve ser constante, espontâneo, prazeroso, e a criança deve se sentir integrada e acolhida na família.

Educar não é tarefa fácil, principalmente porque nessa tarefa desejamos sobre a criança toda a nossa história de vida. Vivemos em um tempo de grandes e rápidas transformações tecnológicas, econômicas e sociais. As crianças amadurecem muito depressa, mas levam muito mais tempo para adquirir responsabilidade e independência financeira para sair de casa.

Desde pequena a criança percebe se há coerência sobre os valores e informações que recebe de seus pais. Por isso é preciso ter conhecimento a respeito do que se pretende com a educação. Manter a prática da educação com firmeza e criar o seu hábito leva a consistência e a segurança da criança.

As lições fundamentais da vida devem ser dadas pela família, e nesse ponto as mães exercem um papel fundamental. A presença e o afeto das mães são muito importantes para a criança. Amor, equilíbrio, instrução, religiosidade, e principalmente o exemplo, moldam o adulto que a criança será no futuro.

Os conflitos humanos sempre existirão, mas os filhos precisam sentir-se amados e amar os pais. Nunca temê-los. Somente o amor produz o desenvolvimento equilibrado dos filhos.

As mães podem ter muitos motivos para se culparem por erros cometidos na educação de seus filhos, e apenas um para não desistir de educá-los: seu amor incondicional. Nesse dia das mães desejo que todas possam sentir o amor e o carinho que seus filhos lhes dedicam. Mãe é mãe!

  • Facebook
  • Pinterest
  • Twitter
  • Google+

Comente

Últimas