Cuidado! A ansiedade pode atrapalhar suas férias!

Cuidado A ansiedade pode atrapalhar suas férias

A ansiedade produtiva é aquela que faz com que a pessoa transforme, produza, crie e vá em frente, buscando cada vez mais o que a satisfaça. Mas, quando a ansiedade passa a ser uma característica da pessoa pode comprometer vários aspectos da sua vida e requer cuidado.

A ansiedade pode interferir e muito, principalmente para quem está fazendo uma reeducação alimentar. A pessoa pensa que está ansiosa em função das mudanças de alguns hábitos alimentares e justifica que em função de sua ansiedade não consegue manter os novos hábitos, frustrando assim toda e qualquer chance de obter o resultado que deseja. Não é a mudança de hábitos que gera ansiedade. Mas, sim, o que isso está deixando de ocultar.  

É como se, ao ter limites para comer o que quer, não fosse possível mais mascarar seus sentimentos. Ou seja, antes, em vez de enfrentar os sentimentos e conflitos, comia. Agora que esse processo foi alterado, alguns conflitos emocionais não resolvidos podem aflorar, desejando um resultado imediato. Como se ao eliminar alguns quilinhos fossem também eliminados os conflitos internos que os originaram.

Por isso a necessidade urgente de resultados rápidos fica muito mais acentuada. A partir do momento que começou a ficar mais atenta ao que come, a busca compulsiva por tudo que surge pela frente pode parecer ter ficado até mais acentuada. Na verdade, já existia, só não era percebida.

Muitas vezes, utiliza-se a comida para combater a ansiedade a as frustrações por não conseguir agir de acordo com sua vontade. Nem sabe o que realmente deseja. Como se tivesse perdido em algum momento da vida o contato consigo mesmo e não consegue perceber suas necessidades. Se está cansado, come em vez de dormir.

Se está triste, come em vez de chorar. Se está ansioso, come em vez de se tranqüilizar. Se está carente, come doces e mais doces em vez de descobrir outras fontes de prazer. E ainda lambisca toda vez que alguns sentimentos vêm à tona, na tentativa de fazê-los adormecer novamente.

Diante disso tudo surge a oportunidade de viajar e, ao invés de ir para relaxar, sente-se como se estivesse indo para uma guerra, tornando a viagem uma possível fonte de estresse, fazendo tudo correndo, com pressa. Permita-se dar a si mesmo oportunidades de relaxar, se quiser manter seu equilíbrio mental.

Pare para pensar sobre seus sentimentos, sobre o que pode estar por trás de sua ansiedade e necessidade compulsiva de comer. Aproveite para relaxar, pois quando a tensão física e emocional diminui, se torna mais fácil identificar o que possa estar te incomodando. Algumas pessoas chegam a ponto de sentirem-se culpadas quando não estão envolvidas em atividades produtivas.

É preciso lembrar-se de uma diferença fundamental, o objetivo com as férias é relaxar e não produzir. Férias são para re-la-xar! Isso mesmo. É hora de desligar de tudo que preocupa, deixar de lado o relógio, os horários rígidos, fazer as coisas sem pressa. É hora de parar com as cobranças, onde a única ordem é descansar, ficar à vontade. Você nunca se deu conta de estar correndo mesmo indo passar algumas horas na praia? Para que tanta pressa? Para que continuar colocando o relógio para despertar?

Procure dormir mais, ficar mais tempo sentado apreciando a natureza, deixar seus olhos brincar com as nuvens. Se for para o litoral, aproveite. Quando estamos em frente ao mar, olhando o horizonte, abandonamos o modelo rígido, aquele acostumado às construções dos prédios. Como não há nada à nossa frente, os olhos podem se movimentar em todas as direções e experimentar a liberdade de brincar com o infinito.

É um momento de introspecção absoluta, um convite para entrar em contato consigo mesmo e se ouvir. Muitos conseguem dar um mergulho no mar, mas será que conseguem dar um mergulho para dentro de si? Pausa para pensar.

Enfrente as situações. Isso evitará que busque alívio na comida. Quando o olhar para o mundo interno não existe, procura se olhar cada vez mais para fora, para o mundo externo, cobrando desse mundo soluções mágicas e querendo que o corpo reaja com a mesma rapidez. Ou seja, chegue ao peso desejado rapidamente, ignorando que o corpo está simplesmente reagindo e tentando demonstrar que há alguns conflitos que precisam de atenção.

Enquanto todo esse processo não for percebido, as insatisfações e a ansiedade podem se manter. Assim como o peso.      

Comente

Últimas