Desejo e Vontade

Desejo e Vontade

No consultório, principalmente nas vésperas do verão, os clientes vêm com o desejo de emagrecer. Fazem a primeira consulta recebem as orientações iniciam o processo e depois desaparecem.

Isso é normal acontecer, porque a maioria das pessoas possui apenas desejo e não vontade.

Desejo é um estado da mente que está ligado a expectativas. É muito fácil desejar as coisas. Depois de um desejo é necessário ter vontade, que é um atributo da mente e está ligada a atitude.

Como somos criados a imagem e semelhança do Criador, a vontade está dentro de cada um e espera-se que todos tenham saúde, corpo magro e saudável. Isso é divino, já está dentro de cada pessoa.

Só é necessário deixar fluir essa vontade que nasce na mente com os pensamentos e poderão ser expressas com palavra. Eis a razão de dizer que a palavra tem poder. Quem fala é porque pensou antes.

No desenvolvimento da criança, por imposição dos pais, ela não pensa muito, só repete o que lhes ensinam. Dessa forma recebe-se dos pais educação, inclusive alimentar, mas não se coloca em prática. Têm-se desejos, mas não vontade, pois é a vontade que realiza os desejos, é ela que produz ação.

Para existir vontade nas pessoas, especificamente no âmbito da alimentação, elas precisam ser estimuladas com os porquês das coisas. A criança deve comer frutas, verduras e legumes porque é necessário e saudável. O organismo necessita desses alimentos. É comer por necessidade. Isso precisa ser explicado às crianças em casa pelos pais, repetido nas escolas pelos professores.

Quando não se explica os porquês das coisas, as pessoas simplificam o que ouviram, na tentativa de ficar mais fácil e mais prazeroso. O chocolate ou uma bolacha recheada é mais gostoso, mais fácil de se utilizar, do que descascar uma fruta. É mais prático e mais gostoso tomar um refrigerante do que preparar um suco ou tomar água.

Sem explicações é mais difícil despertar a vontade, mas é ela que resolve. Por outro lado é muito mais fácil imitar ou copiar do que raciocinar, criar. Essas aptidões são comuns na vida em sociedade. Copia-se muito. É o caso da moda. Ela se dissemina tão rapidamente por imitação que assusta a gente.

O recado é que os que estiverem com sobrepeso criem vontade para melhorar e saibam ensinar os filhos mostrando-lhes o porque da alimentação correta.

Aguardo perguntas e sugestões.

Comente

Últimas