Presente, passado e futuro

Presente passado e futuro

Segundo pesquisas, vivemos apenas 5% do tempo no PRESENTE. A maior parte vivemos no PASSADO (70%) e no FUTURO, (25%).

Por isso, temos muitas pessoas deprimidas e melancólicas por viverem no PASSADO lamentando-se, e outras muitas ansiosas por pensarem demais no FUTURO.

Segundo o Professor Marins, para isso precisamos distinguir o que é:

ESSENCIAL - É aquilo que devemos fazer imediatamente já.

IMPORTANTE - É aquilo que devemos fazer, mas após o Essencial.

ACIDENTAL - É aquilo que devemos fazer depois de ter feito o Essencial e o Importante.

Para o nosso corpo, preservá-lo da melhor forma possível é o Essencial no Momento presente. Para que esperar que ele piore? Para que esperar para viver melhor? O futuro não conhecemos.

Somos seres espirituais que vivem num corpo para cumprir uma missão que é evoluir espiritualmente e sermos felizes. O "espírito" mora num corpo, pelo qual iniciamos nossa vida neste plano. Ora, se não cuidarmos desse corpo como poderemos cumprir nossa missão?

O corpo é a prioridade sobre todas as coisas, pois para fazer tudo que precisamos, necessitamos dele. Isso é essencial. As demais são importantes ou acidentais. Partindo desse princípio, o quanto antes devemos direcionar nossas energias para desenvolver um corpo saudável.

Nosso organismo necessita de oxigênio, água, alimentos, exercícios físicos para funcionar bem e durar a quantidade de anos que foi destinado. Mulheres poderiam viver até 120 anos e homens até 110 anos. Só que poucos chegam a essas idades, porque não cumprem as exigências mínimas que um organismo humano precisa.

Como o passado não volta mais, devemos deixá-lo de lado, aproveitar apenas as experiências como exemplos, parar de pensar demais no futuro e viver no momento presente para fazer o essencial.

A alimentação adequada, na quantidade certa, variada, para que possamos adquirir a quantidade de nutrientes necessária diariamente. Aos pais, que orientem seus filhos, aos adultos, suas próprias escolhas.

Aguardo perguntas e sugestões.

Comente

Últimas