Quem é responsável pelo seu processo de emagrecimento?

Quem é responsável pelo seu processo de emagrecime

Você já parou para pensar por qual motivo deseja eliminar uns quilinhos? E por quem você deseja fazer isso? Qual sua primeira resposta? Seu marido, namorado? Ou sua mãe, que não se cansa de pegar no seu pé, cobrando constantemente que tenha uma alimentação mais saudável? Ou é por você mesma? É muito comum querer ficar mais bonita para alguém, sem sequer ter a preocupação com o que deveria ser o principal motivo que é sua saúde, seu bem-estar, sua qualidade de vida.

Mas, é claro que o excesso de peso acaba por interferir nas relações como um todo. Cada vez que você vai colocar uma roupa é aquela briga. Nada mais serve ou o que serve não fica bem, e você já sai de casa irritada, desiste até de sair. O que acaba interferindo, também, em sua vida social, pois nem sempre está disposta a sair por vários motivos. Porque não tem roupa, porque não irá comer o que deseja, terá que evitar bebidas alcoólicas.

Enfim, tudo passa a ser justificativa para não ir se divertir um pouco. Se seus amigos a convidam para um fim de semana na praia ou na piscina é frustração na certa. Raramente você aceita. O mesmo acontece quando te convidam para um almoço ou jantar. Você prefere não ir a ter que ficar escolhendo o que comer. Não é assim que acontece?

Ou seja, esses quilinhos a mais acabam por interferir em tudo, não é mesmo? Sem falar na hora de fazer amor. Algumas pessoas evitam que o companheiro tome banho junto, apagam a luz na hora de fazer amor ou até mesmo evitam fazer amor, o que acaba por gerar alguns conflitos no relacionamento.

Diante de tudo isso, fica evidente que o desejo de emagrecer está contaminado pelas pessoas que convivem ao nosso lado, mesmo que diretamente elas não cobrem por isso. Quando fazemos algo muito mais pelo outro e não por nós mesmas, dificilmente conseguimos dar continuidade em algo que deveríamos fazer acima de tudo por nós mesmas.

O que fará com que mude e, principalmente, mantenha os novos hábitos serão os sentimentos que sente dentro de si. Por mais que as pessoas te incentivem, ninguém motiva ninguém a continuar a fazer algo em que não acredita ser merecedor nem capaz de conseguir. Afinal, a responsabilidade em manter sua saúde depende de quem?

Sempre que queremos agradar alguém ficamos presos na expectativa do reconhecimento, de um elogio. Se não o recebemos, nos frustramos e mais facilmente desistimos. O melhor caminho para a decepção é a expectativa da atitude de outra pessoa. Toda vez que não recebemos o reconhecimento dela por aquilo que estamos fazendo com tanto esforço, sentimos que nossos esforços não estão valendo a pena.

Isso acabará gerando lamentações constantes de que ninguém está colaborando em sua busca pelo peso desejado. Assim, surge o sentimento de não estar sendo valorizada, se tornando mais fácil desistir. Deixamos de nos responsabilizar por aquilo que compete a nos sermos responsáveis. É importante lembrar que assumir responsabilidade é muito diferente de acusar a si mesma ou se sentir culpada.

Colocar o sucesso de nossa vida na mão do outro, seja este quem for, só fará com se distancie cada vez mais dos próprios objetivos. Ter expectativa é algo muito difícil de ser assumido por quem a sente e só sabemos que a temos quando não somos atendidas.

É quando muitas vezes ficamos irritados sem saber o por quê e reagimos comendo mais ainda. Quando temos expectativa a respeito de alguém em geral recebemos decepções, frustrações, baixa auto-estima e, até mesmo, autodestruição. Aquilo que estávamos tão certas do que queríamos parece se tornar sem sentido algum. Por isso, mais facilmente desistimos.

Pense sobre os motivos reais pelo qual deseja emagrecer. Responda sinceramente: para quem estou fazendo isso? Reavalie todos seus sentimentos e comportamentos para que fique cada vez mais consciente dos motivos pelo qual deseja emagrecer e, principalmente, lembrar de todos esses fatores quando alguém não perceber que já eliminou alguns quilinhos e não reconhecer todo seu esforço.

Lembre-se também por quem está fazendo isso na hora em que quiser comer "só mais um pouquinho", quando pensar em começar amanhã ou na segunda-feira. Para que adiar ou desistir de algo que te fará se sentir melhor? Lembre-se também que a pessoa mais importante em todo esse processo é você mesma, mais ninguém. As pessoas que convivem com você com certeza são importantes, mas você deve ser a mais importante de todas e merecedora de todos seus esforços!

Comente

Últimas