Relaxar é preciso!

Relaxar é preciso

Julho, mês de férias! Alguns aproveitam esse mês para recarregar as energias. Mas é preciso cuidado, pois as pessoas tendem a sair de férias quando já passaram todos seus limites e de repente, ao mudarem sua rotina bruscamente, as férias podem se tornar nova fonte de estresse.

Você já percebeu que as pessoas sentem tanta dificuldade para relaxar, que ao saírem de férias fazem uma programação igualmente rígida, impondo-se horários para acordar, caminhar, dormir? E no final do dia estão com mente e corpo cansados de tanta pressão interna.

Ou ainda, até mesmo em férias não deixam de ligar para o trabalho para se certificar que tudo está bem mesmo. Em geral são pessoas que centralizam todo o trabalho para si, não delegando para outros, muitas vezes acreditando que só ela conseguirá realizá-lo.

Quem deseja emagrecer pode se deparar com muitas dificuldades nesse período, são as crianças que por estarem mais tempo em casa querem comer de tudo, fazendo com que os pais desistam de sua reeducação alimentar para acompanhá-los, é a preocupação com as roupas que vai usar diante da possibilidade de uma viagem, enfim, nas férias as preocupações podem ser muitas e gerar mais estresse.

Férias são para re-la-xar! Isso mesmo, quem vai sair de férias deve se desligar de tudo que preocupa, deixar de lado o relógio, os horários rígidos, fazer as coisas sem pressa. É hora de parar com as cobranças, onde a única ordem é descansar, ficar à vontade, mas sem se descuidar da alimentação.

Você nunca se deu conta de estar "correndo" mesmo indo passar algumas horas na praia? Para que tanta pressa? Para que continuar colocando o relógio para despertar? Procure dormir mais, ficar mais tempo sentado apreciando a natureza, deixar seus olhos brincar com as nuvens.

Se for para o litoral, aproveite, pois quando estamos em frente ao mar, olhando o horizonte, abandonamos o modelo rígido, aquele acostumado às construções dos prédios. Como não há nada à nossa frente, os olhos podem se movimentar em todas as direções e experimentar a liberdade de brincar com o infinito. É um momento de introspecção absoluta, um convite para entrar em contato consigo mesmo e se ouvir.

Muitos conseguem dar um mergulho no mar. Mas será que conseguem dar um mergulho para dentro de si? Pausa para pensar. Algumas pessoas chegam a ponto de sentirem-se culpadas quando não estão envolvidas em atividades produtivas. É preciso lembrar-se de uma diferença fundamental, o objetivo com as férias é relaxar e não produzir.

Como repor as energias, descansar, mantendo a mesma preocupação com o tempo e com as atividades que irá fazer? Isso apenas reflete seus padrões do cotidiano. Poucos sabem desligar seus relógios internos e obter satisfação em simplesmente não fazer nada. Será que durante sua vida você não foi criticado quando queria apenas ler uma revista ou fazer nada? E apesar dos anos terem se passado continua agindo exatamente da mesma maneira?

E quando voltar das férias, ou se não conseguiu tirar uns dias para o descanso, lembre-se de manter algumas atividades paralelas ao trabalho para relaxar, fazendo exercícios físicos, como caminhar, andar de bicicleta, nadar, dançar, jogar boliche, futebol, praticar jardinagem, fazer algum trabalho voluntário, ou ainda, praticar relaxamento mental, desligando-se assim das preocupações.

Seja você dona de casa, ou executivo(a), sempre ocupado em seus afazeres, permita-se dar oportunidades de relaxar, se quiser manter seu equilíbrio mental em períodos estressantes, que em geral acabam por ser todos os dias.

E após descobrir sua técnica favorita de relaxamento, com o objetivo de repor as energias, procure dedicar-lhe no mínimo meia hora por dia, mesmo após as férias. Se for viajar, seja para o campo ou praia, faça caminhada, permitindo-se receber toda a energia emanada pela natureza. Procure desligar-se também da poluição visual. Quantas vezes você não leu tantas propagandas no caminho de casa, que ao chegar sentiu-se tão cansado como se tivesse devorado um jornal?

E lembre-se, quando se propor descansar, envolva-se completamente com atividades que lhe proporcionem prazer, sem culpas, pois não se trata apenas de um simples passatempo para os ociosos; afinal, relaxar, hoje se tornou essencial para o bem-estar físico e mental de todos.

Comente

Últimas