Sete atitudes para uma vida saudável

Sete atitudes para uma vida saudável

Receita milagrosa a gente sabe que não existe. Quem deseja viver mais e melhor deve apostar no tripé atividade física, alimentação equilibrada e menos estresse. Por isso, nada melhor do que sete atitudes simples e eficientes para virar o jogo quando o assunto é atingir uma vida saudável:

1- Não fique ensaiando uma decisão. É normal imaginar o que se pode perder ao fazer uma escolha. Essa preocupação não pode minar sua força de vontade. Algumas pessoas desistem de praticar exercícios porque acham que será muito difícil levantar um pouco mais cedo. Na verdade, ao ultrapassar essa barreira verificam que os benefícios compensam o sacrifício.

2- Foque na conquista. Ao mudar hábitos, pense no quanto você vai ganhar com isso, ao invés de pensar no que vai perder. Ao adotar hábitos saudáveis de alimentação, não se apavore imaginando como viver sem pastéis, batatas fritas ou brigadeiros. Pense que você terá uma pele mais saudável, mais disposição física, mais auto-estima e mais confiança.

3- Não seja radical. Se numa festa você exagerou no bolo, ou se deixou de se exercitar numa semana atípica, recupere-se rapidamente. O segredo não é a privação, mas saber escolher o tipo de proteína, carboidrato ou gordura que faz você perder peso sem passar fome.

4- Controle suas emoções. Quando alguma esfera da vida não está bem, procure encontrar uma solução satisfatória. Nos momentos difíceis é comum modificar rotinas saudáveis como forma de atenuar o estresse. Tenha calma nessa hora.

5- Não ceda à pressão social. Só tente uma transformação do seu corpo se realmente desejar ou por recomendação médica. Mudar para agradar aos outros quase sempre resulta em fracasso.

6- Comemore cada bom resultado. Se você emagreceu um quilo em um período, mas gostaria de ter emagrecido mais, não desanime e comemore. Afinal, para eliminar dois quilos, é necessário primeiro perder um quilo.

7- Altere suas opções. Quando os resultados não forem os desejados, algumas mudanças de rota podem fazer a diferença. Se o programa alimentar ou os exercícios físicos escolhidos não se adaptarem ao seu estilo de vida, escolha outro, e não desista.

Comente

Últimas