Aquecimento e prevenção de lesões

Aquecimento e prevenção de lesões

Faça movimento de cabeça para baixo e para cima. Faça 20 repetições para baixo e para cima.

É importante fazer aquecimento para que o corpo se adapte do repouso à atividade intensa, evitando lesões.

O que é o aquecimento?

O aquecimento é a parte preparatória de uma aula ou treino, que objetiva preparar o corpo para movimentos vigorosos, devendo assim ser feito sempre antes de qualquer atividade física.

Você deverá fazer movimentos articulares e muito alongamento para evitar lesões durante e depois da atividade física. No frio, o risco de ter uma lesão muscular é 30% maior do que no verão.

Mas, na verdade, em qualquer época é importante fazer um aquecimento e um bom alongamento antes de praticar qualquer atividade física.

Depois do exercício feito, é necessário fazer novamente um bom alongamento para ajudar a relaxar a musculatura. Isto evita muitas lesões, principalmente as mais comuns que são aquelas onde há o rompimento de algumas fibras musculares, mas não há lesão total ou completa do músculo.

O aquecimento e o alongamento dão tempo para que a pessoa se adapte do repouso à atividade intensa. Sem eles, os músculos podem ser exigidos bruscamente resultando nas tais lesões. Os motivos são variados: desde a falta de aquecimento até o despreparo de condicionamento da pessoa.

Esta incidência é maior no frio porque os músculos se tornam menos elásticos. O perigo é ainda mais eminente para aquelas pessoas que não se exercitam regularmente, principalmente para os "atletas de fim de semana", que não apresentam um bom preparo físico, incluindo resistência muscular, flexibilidade etc.

Veja abaixo os benefícios de fazer um bom aquecimento e as nossas sugestões de exercícios.

Aquecimento:

  • Aumento da mobilidade articular;
  • Aumento da temperatura corporal e dos tecidos;
  • Aumento do fluxo sanguíneo para os músculos ativos;
  • Aumento da freqüência cardíaca que prepara o sistema cardio vascular para o trabalho a ser realizado;
  • Aumento da velocidade da liberação de energia no organismo (velocidade metabólica);
  • Aumento da troca de oxigênio na hemoglobina;
  • Aumento da velocidade dos impulsos nervosos, facilitando os movimentos do corpo;
  • Aumento da inervação recíproca (permitindo que o músculo relaxe e contraia com mais rapidez e eficiência);
  • Ampliação da capacidade de alongamento do tecido conjuntivo;
  • Diminuição da tensão muscular;
  • Prepara psicologicamente a pessoa para a atividade.
  • Exercícios:

    Depois destes exercícios é essencial fazer um bom alongamento envolvendo todos os grupos musculares.

    Comente

    Últimas