Dicas para um corpo definido

  • Facebook
  • Pinterest
  • Twitter
  • Google+

Confira as dicas do personal trainer para entrar em forma

Corpo definido  Confira as dicas do personal train

Cada vez mais mulheres buscam a fórmula mágica e instantânea que mantenha o corpo em forma. Sem indícios de tal descoberta, os especialistas são unânimes ao afirma que o ideal para a boa forma é a prática de exercícios físicos de forma regular, de preferência ao longo do ano, para evitar treinos exagerados que possam colocar a sua saúde em jogo. Afinal, quem não está preparado e exagera na dose dos exercícios em busca de resultados rápidos, corre o risco de ganhar uma lesão ao invés de um corpo definido.

Emagreça de forma saudável! Clique aqui e conheça nosso programa!

De acordo com o personal trainer do Grupo Sare Drogarias, Ricardo Mendes, as mudanças no corpo não ocorrem da noite para o dia, principalmente para quem quer reduzir medidas de maneira efetiva. "Antes de mais nada, é importante entender que o processo de modificação corporal é gradativo. Aos poucos, a pessoa vai melhorando seu condicionamento físico e, consequentemente, elimina gordura e ganha massa magra. Além dos bons resultados estéticos obtidos pelo treino correto em academia, há de se levar em conta os ganhos de saúde e bem estar", explica.

No entanto, em meio a tantas opções de exercícios fica difícil escolher o treino ideal para chamar de seu, não é mesmo? Segundo Ricardo, a escolha deve ter base nos gostos, personalidade e rotina da pessoa. "Dessa forma, os exercícios físicos se tornam prazerosos e passam a fazer parte da rotina por mais tempo", ele diz, com a experiência de 12 anos na área. Dessa forma é importante saber a quantidade de gordura corporal e de massa magra para definir os objetivos do treino, tipos de exercício (aeróbicos e /ou anaeróbicos), cargas e repetições (no caso da musculação) e frequência mínima para que os objetivos sejam atingidos. "O exame de bioimpedância é uma das formas de identificar a composição corporal inicial e monitorar os resultados ao longo do tempo", o personal trainer afirma.

Como regra, antes de iniciar qualquer rotina de treinos físicos, o aluno deve passar por avaliação médica "A avaliação clínica é conduzida por um médico e geralmente inclui um check-up geral, envolvendo exames como o de fezes e urina, por exemplo. Também é importante passar pela avaliação de um cardiologista, para garantir que não há problemas cardíacos. Já a avaliação física é feita na própria academia, por um personal trainer ou educador físico. São levados em conta a idade, histórico de saúde, possíveis lesões anteriores, predisposição genética, rotina, hábitos e objetivos do aluno." Após essa avaliação, é definida a estratégia de treinamento, visando em primeiro lugar a saúde do aluno.

É comum que seja indicado ao aluno um mix de exercícios aeróbicos, tais como caminhada, corrida e spinning, e anaeróbicos, como musculação, pilates ou ginástica localizada. Então, para aqueles que ainda não estão habituados aos exercícios, Ricardo recomenda a frequência inicial mínima de duas a três vezes na semana. "É importante evitar afobação e atitudes extremas, como a de já começar com frequência máxima, principalmente se a pessoa estiver acima do peso, pois há possibilidade de comprometer as articulações e de baixar o sistema imunológico já no início".

Não é incomum a pessoa começar a fazer academia e na semana seguinte ficar gripada. Deve-se atentar para a necessidade de melhorar a alimentação do ponto de vista nutricional e de dar o devido tempo de repouso entre os treinos. Dessa forma, é maior a chance de perseverar no treinamento, ultrapassando as dificuldades iniciais. O especialista também lembra que nas primeiras semanas de exercícios, após um longo período de sedentarismo, é comum sentir sono, cansaço e dores musculares mais acentuadas. Por isso, persistência e disciplina são as chaves para o obter sucesso e conquistar o corpo que sempre sonhou.

Por Paula Perdiz

  • Facebook
  • Pinterest
  • Twitter
  • Google+

Comente

Últimas