Dicas para você não deixar de malhar no frio!

O inverno pode ser um aliado na queima de calorias

Dicas para você não deixar de malhar no frio

Durante a estação mais fria do ano muitas pessoas deixam a academia de lado para ficarem debaixo das cobertas. As baixas temperaturas e a preguiça típica de inverno fazem com que a gente abuse mais na alimentação, principalmente nos doces, e se entregue ao sedentarismo.

O que deve ser levado em conta é que se você não estiver eliminando as calorias extras, irá adquirir alguns quilinhos a mais. Assim, eles podem prejudicar a regularidade dos exercícios e o seu programa alimentar. Bastam 10 dias para que você comece a perder massa muscular e 15 dias para que a sua capacidade aeróbia comece a diminuir.

Durante o inverno nosso metabolismo fica mais acelerado, pois o nosso corpo necessita manter uma temperatura elevada, tendo um maior gasto de calorias. Por isso, praticar atividades físicas no frio ajuda a emagrecer mais rápido, além de deixar você com uma barriguinha de dar inveja para a próxima estação. O personal trainer Ricardo Wesley deixa algumas dicas:

Modalidades indicadas

Nestes últimos meses algumas modalidades vêm se destacando no mercado fitness. As lutas (MMA e jiu-jitsu) são excelentes para o desenvolvimento de resistência muscular e cardiovascular. O exercício funcional, apesar de estar no mercado há mais de uma década, vem se reescrevendo e sendo estruturado de maneira diferente. As modalidades crossfit, kettlebell e TRX vêm ganhando espaço no Brasil. Outra dica é a Slackline, uma fita de equilíbrio que pode ser amarrada em árvores, colunas e é muito prática de ser transportada. Consiste basicamente em exercícios de equilíbrio, mas pode progredir para manobras e piruetas.

Nesta época do ano a frequência dos alunos nas academias e parques diminui muito. Duas dicas devem ser seguidas: a primeira é procurar algo que lhe motive a treinar quando as temperaturas caírem; e a outra é optar por um personal trainer em casa, fazendo com que a vontade de desistir diminua bastante. Se você for viajar, não utilize isso como desculpa para não se exercitar, procure manter sua rotina ao menos com exercícios aeróbios, como corridas e caminhadas.

Benefícios

No inverno nosso corpo gasta mais energia para manter a temperatura corporal estável, mas, por outro lado, as comidas típicas da estação são mais calóricas. Por isso, não se deixe levar pela falsa expressão que diz que se pode comer mais no inverno, já que o gasto energético está elevado. O fundamental para o emagrecimento é a relação gasto energético total e consumo alimentar. Treinar no inverno é tão importante quanto no verão. Se você quer estar bem fisicamente no verão agora é o momento de começar a se preparar. Outro ponto importante a ser lembrado é a necessidade de um aquecimento mais prolongado para evitar lesões.

Invista na corrida e na musculação

Nos períodos mais frios ocorre uma melhora na nossa performance aeróbia, já que ocorre menor risco de hipertermia (grande aumento de temperatura interna), por isso é um excelente período de treinamentos de corrida. Se você for praticante de musculação, vale investir alguns minutinhos a mais no aquecimento (5-10 minutos) e sempre realizar um aquecimento articular nos primeiros exercícios (realizando algumas séries de mais repetições e com pouca carga antes de iniciar o treinamento, para ajudar a aquecer as articulações e musculaturas).


Thaís Santos (MBPress)

Comente

Últimas