Esportes Radicais

Esportes Radicais

Setor relativamente novo no Brasil, o turismo ecológico é hoje o segmento do mercado que mais cresce. São mais de 100 cidades, em 18 diferentes estados, estruturados para receber bem o turista que gosta de aventuras. Estes turistas preferem vislumbrar o cenário destas cidades, em movimento, praticando algum tipo de esporte.

Dá para experimentar uma ou mais atividades ao mesmo tempo, entre elas: cavalgada, trekking, canoying, mountain bike, rapel, bóia cross, rafting, arvorismo, caving, mergulho, canoagem, vôo livre...

Selecionamos mais três atividades para que você conheça um pouco destes esportes.

Trekking

Neste esporte você irá caminhar por trilhas que contornam montanhas, florestas e riachos.

O trekking é o esporte de aventura

mais praticado no Brasil, pois é barato, não exige grande preparo físico e traz enormes benefícios para a saúde, melhorando o condicionamento cardio-respiratório.

As vantagens para o seu corpo é que ele fortalece os ossos, músculos, tendões e ligamentos, principalmente das pernas, e elimina o estresse trazendo grande bem estar.

O percurso pode ser leve de 5 à 6 km ou pesado, podendo durar dias.

Dicas

  • Use tênis ou botas apropriadas.
  • Não deixe de levar: repelente, água, filtro solar, apito (para um eventual pedido de socorro) e biquíni, maiô ou sunga.
  • Caving

    A exploração de cavernas pode ser feita sob diferentes maneiras e objetivos: desde a simples contemplação da natureza, estudo científico em áreas como Biologia, Geologia, Química, Arqueologia ou ainda, como esporte de aventura, utilizando técnicas de alpinismo para transpor abismos e quedas d'água.

    As cavernas apresentam um ambiente fantástico, repleto de contrastes: formações rochosas imensas e delicados cristais de alguns milímetros, corredores estreitos e salões majestosos, pequenas gotas d'água vertidos do teto e lindas cachoeiras. É uma grande aventura, onde você energiza o corpo e a mente.

    Dicas

  • Esteja sempre acompanhado de um instrutor que conheça bem o local e, também primeiros socorros.
  • Leve lanterna, água, agasalhos e alimentos.
  • Bóia Cross

    Descida de corredeiras sobre bóias com alças. Também conhecido como Acquaraid.

    Ao contrário do rafting, a performance no bóia cross depende somente de você.

    A descida pode ser feita sentado ou deitado de bruços sobre a bóia. Se você é novato no esporte, opte pela segunda posição, pois ajuda a direcionar a bóia. As quedas da bóia são inevitáveis.

    Praticando o bóia cross, você melhora a força, o equilíbrio e a flexibilidade.

    Dicas

  • É preciso saber nadar.
  • Antes de descer a corredeira, conheça o percurso.
  • Use roupas apropriadas, tênis, colete salva-vidas e capacete.
  • Aonde praticar

    Mountain Bike: Brotas(SP), Serra da Mantiqueira(SP), Vale do Itajaí (SC), Timbó (SC), Chapada Diamantina (BA), Serra do Cipó (MG), Serra dos Órgãos (RJ).

    Rapel: Brotas (SP), Petar (Parque Estadual Turístico do Alto Ribeira em SP), Vale do Itajaí (SC), Timbó (SC), Gonçalves (MG), Serra do Cipó (MG), Teresópolis (RJ), Serra dos órgãos (RJ), Poço do Diabo (BA), Chapada Diamantina (BA), Vale do Guaporé (RS).

    Rafting: Brotas (SP), Juquitiba (SP), São Luís do Paraitinga (SP), Socorro (SP), Petar (SP), Três Rios (RJ), Serra dos Órgãos (RJ), Nova Friburgo (RJ), Vale do Guaporé (RS), Bento Gonçalves (RS), Vale do Itajaí (SC).

    Trekking: Brotas (SP), Serra da Mantiqueira (SP), Petar (SP), Serra dos Órgãos (RJ), Chapada dos Veadeiros (GO), Vale do Itajaí (SC), Chapada Diamantina (BA), Serra da Canastra (MG), Serra do Cipó (MG), Aparados da Serra (RS), Bento Gonçalves (RS).

    Caving: Petar (SP), com mais de 300 cavernas, Gruta do Tamboril em Unaí (MG), Poço Encantado em Lençóis (BA), Chapada Diamantina (BA).

    Bóia Cross: Brotas (SP), Petar (SP),Serra da Canastra (MG), Gonçalves (MG).

    Comente

    Últimas