Mantenha-se jovem para a terceira idade!

Mantenhase jovem para a terceira idade

Ninguém está livre do envelhecimento, mas é fato que algumas complicações decorrentes do seu processo - por exemplo, fragilidade óssea e diminuição da capacidade de realizar tarefas cotidianas - podem ser evitadas através da atividade física e assim, retardar a chegada da velhice.

No processo de envelhecimento, ocorrem alterações nos diversos sistemas do organismo, que variam de indivíduo para indivíduo, pois dependem de alguns fatores tais como, hábito de vida e herança genética.

Mas ao pensar em como envelhecer menos, verifica-se que o hábito de vida é a variável que pode ser controlada e trabalhada, uma vez que a genética é determinada no momento da fecundação.

Na relação entre exercício e envelhecimento, ocorre um fenômeno que se converte em

um círculo vicioso: à medida que

ganha idade, o indivíduo se torna menos ativo, suas capacidades físicas diminuem, começa a aparecer o sentimento de velhice, que por sua vez pode causar stress, depressão e levar a uma diminuição da atividade física e, conseqüentemente a aparição de doenças, que por si só, contribuem para o envelhecimento.

Clique aqui e saiba quais são os principais efeitos do envelhecimento.

A prática de atividade física regular, feita em idades anteriores à velhice, pode minimizar todos efeitos de uma vida sem se exercitar.

Um programa de exercícios deve estar dirigido para a melhora da capacidade física do indivíduo, diminuindo os efeitos deletérios sobre as variáveis anteriormente mencionadas, e conseguir maximizar o contato social da pessoa, reduzindo os problemas psicológicos como a ansiedade e a depressão.

Mas antes de começar qualquer atividade, é necessário uma avaliação médica cuidadosa, com o objetivo de conhecer a capacidade física e as limitações de cada indivíduo.

É sempre orientado atividades que:

  • Aumentem a resistência cardio-respiratória (exercícios aeróbios de baixo impacto como caminhada, bicicleta, natação, hidroginástica);
  • Aumentem a flexibilidade, como as aulas de alongamento;
  • Aumentem a força ou a resistência muscular (musculação e ginástica localizada).
  • É indicado, inicialmente, a realização de atividades de intensidade moderada durante 30 minutos, se possível todos os dias ou, no mínimo, 3 vezes por semana. Além disso, é muito importante manter-se ativo e fazer exercícios regularmente, assim vale praticar atividade física de forma contínua (30 minutos seguidos) ou acumulada (3 vezes ao dia por 10 minutos).

    Clique aqui e veja os benefícios obtidos com a prática regular de atividade física.

    Assim, é fundamental que as pessoas - para adquirir ou manter uma boa qualidade de vida, diminuindo ao máximo os efeitos do envelhecimento - se envolvam na prática de atividade física, o mais precoce possível, além de seguir uma dieta balanceada.

    No somatório de condutas positivas está a verdadeira fórmula para o aumento da longevidade e da auto-suficiência.

    Comente

    Últimas