Sexo para queimar calorias

  • Facebook
  • Pinterest
  • Twitter
  • Google+

Queime calorias também na cama

Sexo para queimar calorias

Sexo, beijos e carícias são capazes de transformar uma noite normal em algo muito especial, não é mesmo? Responsável pelo bem-estar e felicidade no relacionamento, o sexo não é bom somente para o seu casamento, mas também para melhorar a saúde e ajudar a perder os quilinhos extras. É isso mesmo que você leu, emagrecer. Os sentimentos relacionados ao amor não só aumentam a sua frequência cardíaca como também podem ajudar a queimar calorias. Não acredita?

Nós listamos a quantidade de calorias gastas durante cada atividade romântica (ou sexual, como preferir) para provar que é possível esquentar o relacionamento e, de quebra, fazer as pazes com a balança. Ok, não podemos considerar o sexo como atividade física principal, no entanto, cá entre nós, é um exercícios complementar de primeira. Se você se animou com a dica, veja a lista abaixo e veja quantas calorias é possível gastar (literalmente) sorrindo.

Beijar - 68 calorias por hora

Uma hora beijando? Pode até parecer muito tempo, mas você lembra da época de quando você e o maridão estavam começando a namorar? O tempo despendido aproveitando ao máximo o beijo do amado eram longos e, por vezes, aposto que o ar até mesmo chegou a faltar durante algum desses beijos. Em entrevista para a revista Woman’s Day, a sexóloga e escritora americana, Jaiya Kinzbach afirma que dependendo da intensidade do beijo o gasto calórico pode ser ainda maior. "Se o beijo é vigoroso e envolve algumas carícias, em uma hora você poderia queimar cerca de 90 calorias por hora", afirma a especialista que recomenda: "Beije em posições incomuns". Para as mulheres que querem malhar os braços enquanto aproveitam a companhia do maridão é investir nas flexões com beijos como recompensa. "Posicione-se por cima dele, igual o exercício de flexão e desça até beijá-lo e em seguida, empurre o peso do seu corpo de volta. As ‘flexobeijos’ podem queimar cerca de 171 calorias em 30 minutos", finaliza a especialista.

Fazer sexo oral - 100 calorias por 30 minutos

Aqui está uma revelação que não se lê por aí todos os dias, saiba que meia hora de sexo oral (os maridos agradecem) podem ser tão eficientes quanto aqueles 20 minutos gastos na ergométrica.

Aquela pegação - 238 calorias por 30 minutos

Beijos, apertos e abraços são indícios de que a temperatura está subindo e que a hora de arrancar a roupa do maridão ocorre de maneira natural e apressada. Pois bem, o ato que precede ato sexual é um queimador intenso de calorias. De acordo com Gilda Carle, psicoterapeuta especializada em relacionamento, afirma que a antecipação do sexo é capaz de aumentar consideravelmente os seus batimentos cardíacos, já que é a respiração mais pesada que auxilia a queima calórica.

Fazer sexo - 144 calorias por 30 minutos

O sexo em si já é um treino, sabia? Pois é, sabe aquele dia que você abusou do chocolate e mesmo depois da aula de spinning o peso da culpa ainda não aliviou a sua cabeça. Que tal complementar o treino com uma sessão de sexo tórrido? Segundo a sexóloga Kinzbach, o que torna o gasto calórico maior durante o ato sexual é o quanto o clima entre os dois está quente. Ou seja, quanto mais beijos, carícias e posições o casal experimentar maior será a queima. Ela afirma que gemidos e suspiros são responsáveis pelo aumento da frequência cardíaca e, consequentemente, do consumo de calorias. "Se você está por cima, tente mexer os quadris como uma dançarina do ventre, o que vai dar muito prazer ao gato e também intensificar o treino", acrescenta a especialista completando que a posição do sapo, aquela na qual você agacha por cima dele e depois faz o movimento para cima e para baixo é um excelente exercício para as coxas e bumbum, além do que ele pode queimar até 207 calorias em 30 minutos. No entanto, ela afirma que a melhor maneira de maximizar a queima de calorias durante o sexo é para ter certeza de orgasmo. "Especialistas estimam que as mulheres que atingem o orgasmo durante o sexo queimam mais calorias durante o ato sexual do que aquelas que não o fazem", finaliza Kinzbach.

Por Paula Perdiz

  • Facebook
  • Pinterest
  • Twitter
  • Google+

Comente

Últimas