Cardápio para a maratona da folia

  • Facebook
  • Pinterest
  • Twitter
  • Google+
Cardápio para a maratona da folia

Hoje é dia de se preparar para a maratona da folia. Fechar as malas, para o viajantes, ou então separar os acessórios para quem adora curtir o Carnaval de rua ou as super festas dos salões. Para aguentar a noite de pura energia é necessário também preparar o corpo com uma boa alimentação, afinal, o gasto colórico é grande, dá só uma olhada:

Carnaval na balança

Seguir um Bloco = 500 calorias (1 hora)

Dançar em um Baile = 360 calorias (1 hora)

Sambar na Avenida = 400 calorias (1 hora)

Pular Micareta = 900 calorias (1 hora)

"Os dias são muito quentes e as pessoas costumam consumir bebidas alcoólicas em grande quantidade e dormir muito pouco. É fundamental que se beba muita água e que o café da manhã e o almoço sejam balanceados com todos os nutrientes mais importantes", alerta a nutricionista Michelle Barrella, que preparou algumas dicas de alimentação para os dias de folia.

1) Líquido, muito líquido: água, água de coco, chá gelado, sucos de fruta (limonada, melancia, melão, abacaxi, acerola, maracujá) são refrescantes , evitam a desidratação. Lembre-se: Não use açúcar, se achar muito ácido ou preferir algo mais doce misture as frutas. Um suco de melancia com acerola é docinho, cheio de vitamina C e ainda evita o temível açúcar! Limonada com cenoura, a cenoura deixará o suco mais docinho, ainda ajuda a reforçar a imunidade e o bronze

2) Prefira alimentos leves e de fácil digestão

3) Nas refeições capriche na quantidade de saladas, mas não se esqueça dos outros itens: proteína (um bife médio de 100 g = uma palma da mão), carboidratos: não misture, escolha apenas um tipo: arroz integral ou mandioca ou macarrão ou batatas e também um pouco de grãos: feijão, ervilha, lentilha, grão-de-bico ou soja. Cuidado para não exagerar na quantidade, senão o sono e o mal estar farão seus planos de carnaval sambar

4) Ao montar seu prato prefira fontes de proteína magras como peixes, peito de frango, peito de peru, carnes magras (fraldinha, maminha, etc). São de mais fácil digestão e ajudam a manter a silhueta

5) Fuja dos alimentos muito gordurosos e das refeições rápidas e nada nutritivas, como sorvetes, molhos a base de queijo, frituras, queijos amarelos, embutidos e salgadinhos, pois, além de muito calóricos, dificultam a digestão.

6) Alguns alimentos podem causar gases, inchaço abdominal e desconforto e devem ser evitados: sorvetes, molhos a base de queijo, frituras, queijos amarelos, doces, embutidos, salgadinhos, pimentão, repolho, brócolis, feijão e couve-flor.

7) Além da ressaca e desidratação, quanto maior o teor alcoólico de uma bebida, maior a embriaguez, maior a absorção do álcool pelo organismo e maior será a quantidade de calorias ingerida. Não exagere!

8) Pular, só o carnaval! Nada de pular as refeições! Alimente-se de 3 em e horas de preferência com frutas, oleaginosas (castanha do Pará, caju, nozes, amêndoas, avelãs...), cereais em barra de sementes ou sanduíches leves com pão integral. A noite nada pesado, mas não troque uma refeição por bebida e nem vá dormir com fome.

9) Coma em casa: Além de ser mais barato e higiênico, evita a falta de opções em bares e quiosques de alimentos saudáveis e a tentação do pastelzinho com chopinho. Se estiver viajando e não houver opção, observe o ambiente e funcionários, que devem passar a impressão de limpeza e higiene.

10) Só consuma alimentos em local de higiene adequada, não arrisque ficar os quatro dias com intoxicação ou infecção causadas por falta de higiene. Cuidado com os sanduíches, camarões, salgados e etc. vendidos na praia ou em barraquinhas que permanecem o dia todo no sol e sem um local adequado de armazenamento. Assim como desconfie se quem recebe o dinheiro é a mesma pessoa que serve o alimento.

  • Facebook
  • Pinterest
  • Twitter
  • Google+

Comente

Últimas