Colesterol: descubra como consumir na medida certa

  • Facebook
  • Pinterest
  • Twitter
  • Google+
colesterol

O colesterol pertence ao grupo dos lipídeos (gorduras) e está presente apenas em tecidos animais. Costuma ser condenado como um dos principais agentes danosos à saúde do coração. Contudo, o colesterol é um nutriente importante para o organismo, somente trazendo riscos, quando consumido em grande quantidade ou quando existe um fator de risco genético.

Lendo o texto a seguir, você irá conhecer a definição, a classificação e as funções do colesterol, além de descobrir quais os alimentos mais ricos e os prejuízos causados pelo consumo exagerado.

Definição

O colesterol é uma substância química gordurosa, presente no plasma sangüíneo e em tecidos animais. É insolúvel no sangue e então, para ser transportado pela circulação do fígado (órgão de estoque) a outros tecidos, ele precisa estar ligado a proteínas, dando origem às lipoproteínas.

Classificação

As principais lipoproteínas de transporte são:

HDL "bom colesterol"

A sigla está em inglês e sua tradução é lipoproteína de alta densidade, ou seja, molécula contendo uma proporção maior de proteína (mais densa) do que de colesterol e de triglicérides (menos denso). Os elevados níveis de HDL no sangue estão relacionados com o menor risco de doenças cardiovasculares, uma vez que essa lipoproteína atua removendo a gordura acumulada nos vasos.

LDL "mau colesterol"

A tradução da sigla para o português é lipoproteína de baixa densidade, ou seja, molécula com predomínio de colesterol (menos denso) e menor quantidade de proteína (mais densa). Atua como principal transportador de colesterol no sangue. Em excesso, pode contribuir para o depósito de gordura nos vasos, aumentando o risco de infarto e problemas do coração.

Importância para o organismo

As principais funções que o colesterol desempenha no organismo são:

  • Produzir hormônios sexuais (estrogênios, testosterona e progesterona) e hormônios das glândulas supra-renais (aldosterona)
  • Ser precursor da forma inativa da vitamina D, que se deposita no tecido subcutâneo e é ativada pela ação dos raios ultravioletas do sol
  • Constituir as membranas celulares
  • Sintetizar a bile, que facilita digestão das gorduras
  • Fontes Alimentares

    O colesterol somente é encontrado em alimentos de origem animal. As principais fontes são: vísceras (fígado, coração, rim), frutos do mar (camarão, lagosta, ostra, marisco), carnes bovina e suína com gordura aparente, aves com pele, peixes gordurosos, bacon, toucinho, embutidos (lingüiça, salsicha, salame), ovo, leite integral, queijos gordurosos (provolone, catupiry, mussarela), manteiga, creme de leite, chantilly. Entretanto, uma parte do colesterol obtido pelo organismo não vem da alimentação, sendo produzido internamente pelo fígado, a partir das gorduras saturadas.

    Colesterol x Doenças Cardiovasculares

    A quantidade máxima de colesterol que o organismo pode receber por dia é 300 mg. Quando esse limite é freqüentemente ultrapassado, aumentam as chances dos níveis sangüíneos ficarem acima dos valores recomendados, o que seria um fator de risco para doenças cardiovasculares no futuro. Os níveis seguros de colesterol total do sangue (somatória do colesterol presente nas moléculas de transporte - lipoproteínas) devem estar abaixo de 200 mg/dL, os de LDL devem ser menores que 130 mg/dL e os de HDL acima de 35 mg/dL.

    Para garantir a saúde do seu coração, você precisa adotar um estilo de vida saudável que inclui cuidados com a alimentação, como: reduzir o consumo dos alimentos ricos em colesterol e gordura saturada, acrescentar mais alimentos ricos em fibras no cardápio, as quais ajudam na diminuição das taxas de colesterol no sangue; não fumar, não ingerir bebidas alcoólicas em excesso, não exagerar na quantidade de sal adicionada à comida e praticar exercícios físicos regularmente que auxiliará na melhora da circulação e no aumento dos níveis do colesterol protetor (HDL).

    • Facebook
    • Pinterest
    • Twitter
    • Google+

    Comente

    Assuntos relacionados: nutrição saúde colesterol ldl coração hdl

    Últimas