Conheça mais sobre o mel

Ele é fonte de vitaminas, minerais, além de compostos antioxidantes

Conheça mais sobre o mel

Os benefícios do mel são conhecidos pelo homem há muito tempo. Os gregos o consideravam um alimento milagroso e sagrado. Além de ser a mais antiga forma de adoçar os alimentos.

Ele é composto basicamente por carboidratos, cerca de 75%, na forma de açúcares simples (glicose e frutose). É também fonte de minerais como: sódio, cálcio, cobre, ferro, potássio, magnésio, fósforo; e vitaminas C, E, D e do complexo B. Possui ainda um teor considerável de antioxidantes (flavonóides e fenólicos). É o único produto doce que contém proteínas.

Sua cor e sabor dependem da espécie de flor de onde o néctar é retirado. Em geral, a cor varia do branco ao marrom, sendo que os tipos mais claros têm sabor mais suave.

Entre as funções terapêuticas do mel, as mais conhecidas estão relacionadas com problemas respiratórios. Ele ajuda a aliviar sintomas de gripes e resfriados devido sua ação expectorante, antifúngica, bactericida, anti-inflamatória, broncodilatadora. Além disso, é um calmante natural e ajuda a regular o funcionamento do intestino.

Mas nem todo mundo pode se beneficiar das propriedades do mel, diabéticos e crianças de até 12 meses de vida não devem consumí-lo. A restrição para as crianças se deve a possibilidade de contaminação pela bactéria Clostridium botulinum, causadora de botulismo. A criança durante os primeiros anos da vida ainda está adquirindo a imunidade necessária para protegê-la de microrganismos patogênicos, como o citado acima.

Justamente pelo risco de contaminação e também para garantir a pureza, deve haver cuidado na compra do mel. É recomendado que evite a compra de produtos sem conhecimento da procedência e prefira comprá-los em mercados ou lojas e verificar se têm o selo do Ministério da Agricultura.

Para quem está de dieta, ele pode ser um aliado. Apesar de bastante calórico, 1 colher de sopa tem aproximadamente 35 calorias, ele tem maior poder adoçante quando comparado ao açúcar, além de mais natural e saudável. Dessa maneira, você utiliza uma quantidade menor do que se utilizasse o açúcar, "economizando" assim algumas calorias.

Que tal incluir em algum lanche intermediário ou mesmo no café da manhã, uma banana com aveia e mel. Ou então, preparar uma vitamina com iogurte, melão, banana, granola e mel. Fica uma delícia!

Comente

Últimas