Ferro - mineral essencial para a mulher

  • Facebook
  • Pinterest
  • Twitter
  • Google+
Ferro  mineral essencial para a mulher

O ferro é um mineral que possui funções importantes para o organismo. Essencial na formação da hemoglobina e no transporte de oxigênio para as células, também desempenha um papel importante no sistema imunológico.

Pessoas que fazem dietas desbalanceadas, pobres em vitaminas e minerais são fortes candidatos a terem deficiência de ferro, além de mulheres, gestantes e crianças até 2 anos. Segundo dados do Ministério da Saúde, cerca de 50% das gestantes e crianças com idade entre 6 meses e 2 anos sofrem mais de anemia ferropriva.

A deficiência do ferro, também chamada anemia ferropriva, é causada geralmente por uma alimentação, pobre em ferro. De acordo com o Ministério de Saúde, hoje, o déficit de ferro no organismo humano é o maior problema relacionado à deficiência nutricional no Brasil e no mundo.

Perdido facilmente pelo sangue, podendo ser ocasionado por hemorragias ou doenças parasitárias, o ferro também é excretado, em quantidades muito pequenas, por meio do suor e das fezes. Mulheres no período menstrual possuem uma perda muito maior, sendo comum neste grupo, a deficiência do mineral.

O ferro presente na dieta pode ser do tipo heme e não heme. O tipo heme é absorvido 20% mais rápido pelo organismo do que o ferro não heme. Normalmente, os alimentos que possuem o ferro tipo heme são de origem animal, como carne vermelha, vísceras como fígado, rim, coração, gema de ovo, etc. Já o ferro não heme está presente em alimentos de origem vegetal, como vegetais de folhas verdes escuras, espinafre, agrião, rúcula e leguminosas, feijão, soja e lentilha.

A recomendação diária de ferro para homens adultos é de 8 mg e para mulheres é de 18mg, de acordo com a Ingestão Recomendada para Indivíduos, do Food and Nutrition Board, 2002. Uma dica importante para que o organismo absorva melhor o ferro é que ele seja consumido com um alimento fonte de vitamina C, pois esta contribui para a melhor absorção do mineral pelo corpo. Procure consumir, por exemplo, um bife de carne bovina e um copo de suco de laranja.

Outra medida preventiva para o combate à anemia ferropriva é consumir alimentos ricos em ferro como fígado, marisco, ostras, coração, carnes vermelhas, frango, peixe e como fonte vegetal, os vegetais de folhas verdes escuras, leguminosas como feijão, grão de bico e lentilha, açúcar mascavo e rapadura. A fortificação alimentar é uma alternativa de intervenção no combate dessa deficiência.

Existem também outros tipos de anemia, que não estão ligados à presença de ferro, como a anemia perniciosa, que está ligada à deficiência no organismo de absorver a vitamina B12; a anemia falciforme é uma doença genética, onde há incapacidade dos glóbulos vermelhos de transportarem oxigênio para os tecidos do corpo e a anemia megaloblástica, causada pela falta de ácido fólico.

Ter uma alimentação rica em cereais, leguminosas, verduras, legumes, carnes, frutas, leite e derivados é ótimo para manter sua saúde e prevenir doenças.

  • Facebook
  • Pinterest
  • Twitter
  • Google+

Comente

Últimas