Mitos e verdades sobre a tapioca

Conheça melhor as propriedades nutricionais da tapioca

Mitos e verdades sobre a tapioca

A tapioca é um alimento típico do Norte e Nordeste do país, mas de tempos para cá ganhou destaque, principalmente por quem malha, quer emagrecer e busca uma vida saudável. Mas afinal, quais os benefícios reais da tapioca?

Ela começou primeiramente ocupando o lugar do pão. Especialistas explicam que por não conter glúten, colesterol e gorduras, não tem a mesma ação inflamatória que os pães e torradas têm. No entanto, o fato de não ter glúten não elimina o fato de ser um pouco calórica. 100 gramas tem cerca de 140 calorias. Por isso, para quem quer emagrecer, não é recomendado comer mais que uma tapioca por dia.

Outro fato que poucos sabem é que a tapioca tem alto índice glicêmico, devendo ser consumida com moderação por diabéticos, pois eleva a quantidade de açúcar no sangue, mas é ideal para repor as energias no pós-treino. Se esse é o seu objetivo, a dica é rechear a tapioca com fontes de proteínas, como queijo branco, peito de peru, frango, etc.

Outra dica para deixá-la mais nutritiva é incrementá-la com outros grãos, como a chia e a linhaça, por exemplo. Elas são ricas em fibras, ajudando a manter a saciedade e colaborando para o bom funcionamento do organismo.

A tapioca também é rica em ferro, essencial para a criação de glóbulos vermelhos no sangue, o que ajuda a manter a anemia bem longe. Além disso, ela é rica em vitaminas do complexo B e Ácido Fólico, essenciais para a formação do tubo neural do bebê. Por isso é bastante benéfica para as grávidas.

Por Helena Dias


Comente

Assuntos relacionados: emagrecer tapioca

Últimas