Saiba qual a melhor forma de fazer as suas compras!

Saiba qual a melhor forma de fazer as suas compras

Pequenas atividades do dia-a-dia parecem ser complicadas quando se quer perder aqueles quilinhos extras! Imagine então, ir na meca dos alimentos, onde tudo estará na sua frente! O que escolher quando ir ao supermercado? Qual o melhor alimento? A que detalhes é importante ficar atento na hora da compra de um alimento?

O Cyber Diet elaborou algumas dicas úteis que ajudarão a não cair em tentação e a preservar melhor os alimentos.

Ao dispor os produtos no carrinho, separe os alimentos dos gêneros não comestíveis (produtos de limpeza e de higiene pessoal) ou, então, utilize dois carrinhos, um para cada tipo de produto. Assim, você não correrá o risco de algum alimento ficar com cheiro de desinfetante, ou do papel toalha ser umedecido pelo suco que está vazando, por exemplo; Fique atento ao prazo de validade dos alimentos, principalmente quando os mesmos estiverem em promoção ou com um preço muito abaixo do normal, pois, essa é uma forma do supermercado vender rapidamente os produtos com a data de validade próxima do vencimento;

Verifique o estado da embalagem antes de adquirir o produto. Ao sinal de qualquer alteração, como caixa amassada, lata estufada, vidro trincado ou plástico perfurado, troque o produto por outro, com a embalagem íntegra. Dessa forma, o conteúdo continuará com a mesma qualidade;

Ao comprar produtos congelados, observe se na superfície existem placas de gelo encobrindo a embalagem. Caso isso ocorra, evite levar o produto, pois é sinal de que o mesmo foi descongelado e por algum motivo novamente congelado, como por exemplo: falta de energia no supermercado por um longo período, sem a retaguarda do gerador ou desligamento do congelador à noite, para economizar energia;

Nunca se esqueça de ler os rótulos das embalagens. Neles você sempre irá encontrar informações importantes, a respeito dos ingredientes contidos nos alimentos, das advertências para pessoas com patologias, como "contém glúten" para quem tem doença celíaca, da composição nutricional, ou seja, teor calórico, quantidade de nutrientes (carboidratos, gorduras, proteínas). Se você está pretendendo ficar em forma, escolha as opções com menos calorias e cuidado com as versões "diet" e "light", pois nem sempre são mais vantajosas, além de serem mais caras. O melhor é comparar sempre com o produto convencional e em caso de dúvidas, consultar o serviço de atendimento ao consumidor da empresa;

Se você está seguindo um planejamento alimentar para perder peso, evite passar pelos corredores das "tentações", ou seja, aqueles que estão cheios de balas, chicletes, chocolates, refrigerantes, doces, bolos, salgadinhos, petiscos. É melhor não tê-los em casa, do que ter que resistir, toda vez que você abrir o armário ou a geladeira;

Uma alimentação saudável começa com a aquisição de produtos de alta qualidade nutricional. Tendo em casa somente alimentos saudáveis, dificilmente você irá cometer exageros ou ter um desequilíbrio na alimentação. Portanto, fica liberado encher o carrinho de frutas, legumes, verduras, cereais;

Para quem está pretendendo emagrecer, a melhor maneira de evitar excessos ou um descontrole na compra de alimentos muito calóricos, é não ir para o supermercado com fome. Um longo período sem se alimentar irá contribuir para que você sinta vontade de comprar todas as guloseimas que vir pela frente;

Deixe sempre os alimentos resfriados (iogurte, margarina, queijo, presunto, salsicha) ou congelados (sorvete, carne, frango, peixe, batata palito para fritar, pratos prontos, pão de queijo) para o final das compras. Com isso, eles ficarão menos tempo expostos à temperatura ambiente, correndo um risco menor de se estragarem, devido à proliferação de microrganismos (bactérias, fungos, vírus);

Reduza ao máximo o tempo de permanência das compras no porta malas. Siga do supermercado direto para casa! Especialmente no verão, quando a temperatura está muito elevada, colocando em risco a integridade dos alimentos perecíveis (resfriados e congelados). Se for buscar as crianças no colégio ou o(a) esposo(a) no trabalho, programe o seu horário, de modo que a qualidade dos produtos adquiridos seja mantida;

Ao chegar em casa, lave as mãos antes de iniciar o armazenamento dos produtos. Afinal, desde que saiu, você já manuseou muitos objetos sujos, como: dinheiro, carrinho, embalagens. Pelos mesmos motivos anteriormente citados, comece por guardar os alimentos perecíveis (facilmente deterioráveis), depois siga a ordem que preferir, sem esquecer de armazenar cada gênero no lugar apropriado (nunca no chão), normalmente indicado no rótulo da embalagem (geladeira, congelador, freezer, local seco e arejado, longe da luz e da umidade);

Lembre-se de lavar as embalagens, antes de abri-las para o consumo, principalmente as latas (conservas, bebidas, molhos) e as caixas Tetra Pak (leite, suco, vitamina, creme de leite). O motivo é que normalmente os locais onde esses produtos ficam estocados no supermercado não estão em condições ideais de higiene, o que acaba atraindo insetos e roedores transmissores de doenças;

Caso esteja fazendo compras com o intuito de viajar, reserve um espaço no porta malas para o isopor. Ele terá a função de acondicionar da melhor forma todos os alimentos resfriados e congelados;

Se você costuma comprar em grande quantidade, para ir somente uma vez por mês ao supermercado, cuidado na hora de armazenar. Procure colocar os alimentos da compra anterior na frente, para serem consumidos primeiro, já que a data de validade está mais próxima do vencimento, deixando os novos para serem consumidos por último. Assim, você não terá prejuízos;

Tomando esses pequenos cuidados, você certamente trará inúmeros benefícios para sua saúde e a da sua família. Vale a pena seguir!

Comente

Últimas