5 fatores que afetam a eficácia da insulina

Veja como utilizar adequadamente essa substância, a fim de que surta o devido efeito no organismo
5 fatores que afetam a eficácia da insulina

Foto: Reprodução / LiveStrong

A insulina é um tipo de tratamento que salva vidas e que pode assumir ou complementar o papel da insulina natural, naturalmente produzida pelo pâncreas e responsável pelo controle de açúcar no sangue. No entanto, a eficácia da substância pode ser reduzida devido a inúmeros fatores que acabam por afetar direta ou indiretamente a habilidade dessa em reduzir os níveis de glicose no sangue. 

Por isso, listamos 5 fatores que afetam a eficácia da insulina. Algumas perguntas que selecionamos vão ajudá-lo a determinar o impacto deste medicamento poderoso em seu organismo.

1) Quanto de insulina eu devo aplicar?

É comum um médico fazer pequenas alterações nos níveis de insulina para encontrar a dose ideal para o organismo do paciente. Questões como idade, peso, hábitos alimentares, sedentarismo e saúde, em geral, podem afetar a quantidade de insulina que seu corpo precisa.

Se a dose for baixa demais, pode ocorrer a hipoglicemia (quando o açúcar no sangue está em níveis baixíssimos). O contrário, hiperglicemia, indica que o índice de açúcar no sangue está muito alto. Picar o dedo e fazer um teste com um monitor de glicose pode ajudar você a descobrir se você está tomando a quantidade certa.

2) Onde devo injetar a insulina?

A insulina age mais rápido quando injetada em no abdômen, ao lado do umbigo. Quando injetada na parte superior dos braços, ou nas pernas e nas nádegas, a substância demora mais para agir. Para melhores resultados, injetar sempre na mesma área, geralmente antes de cada refeição. Por exemplo, você pode injetar no abdômen antes do café da manhã e na coxa, antes do jantar.  Certifique-se de não injetar exatamente no mesmo local toda vez, pois a cicatriz que se forma retarda a absorção de insulina.

3) A que horas devo injetar a insulina?

A insulina é frequentemente tomada apenas antes de comer porque o medicamento funciona melhor quando a glicose dos alimentos começa a circular no seu sangue. Dependendo do início da aplicação e da duração do efeito da insulina, os especialistas recomendam injeção de 20 a 30 minutos antes de uma refeição.

4) Você se sente estressado?

Os hormônios liberados quando você se sente mais estressado podem alterar diretamente os níveis de glicose no sangue e fazer seu corpo parar de produzir insulina suficiente ou de absorvê-lo corretamente.

5) Você bebeu água suficiente?

Se o seu corpo está desidratado, o sangue não flui tão facilmente para a sua pele, por isso, a insulina não pode ser absorvida tão rapidamente. A desidratação também tende a elevar o açúcar no sangue e causa resistência temporária à insulina.

Por Renata Branco


Comente

Últimas