Dicas para ter mais fôlego e disposição

Atividade física ajuda a ter mais disposição

Dicas para ter mais fôlego e disposição

Levantar cedo, sair de casa, trabalhar, cuidar da casa, filhos, família... Até para as atividades do dia-a-dia ter fôlego é fundamental, pois sem resistência não há quem consiga dar conta de uma rotina agitada.

Mas você já deve ter reparado que nem todo mundo tem o mesmo fôlego. Isso porque tudo depende do bom funcionamento de três sistemas do nosso corpo: pulmonar, cardiovascular e muscular.

Afinal, o que movimenta nosso organismo são os músculos, através de células que precisam de oxigênio. E é o pulmão que, pela respiração, absorve o oxigênio, que é enviado para o sangue. Por sua vez, o sangue é bombeado pelo coração. Então, um sistema depende do outro.

Dessa forma, quando uma pessoa é sedentária ou sofre com alguma doença cardiovascular ou nos pulmões - como a asma -, ela provavelmente terá menos fôlego e sentirá falta de ar com mais facilidade ao realizar atividades físicas.

Existem também os chamados "vilões" para a saúde do sistema respiratório. "O tabagismo e a poluição funcionam como agentes agressores do pulmão. Estas substâncias, quando aspiradas, provocam inflamações", alerta Oliver Augusto Nascimento, diretor de Assuntos Científicos da Sociedade Paulista de Pneumologia e Tisiologia (SPPT).

De acordo com o especialista, trabalhar muito tempo sentado também é ruim para a saúde dos pulmões. Mas nada que a prática de exercícios físicos não resolva. Porém, para que se tenha resultados satisfatórios, é preciso se exercitar regularmente, ou seja, de três a quatro vezes por semana, durante 45 minutos pelo menos.

O fato de se exercitar é tão bom que aumenta inclusive a capacidade respiratória. "Quando praticado regularmente desde a infância até por volta dos 15 ou 16 anos, ele ajuda os pulmões a se desenvolverem melhor", afirma Oliver. Por isso, os pais não devem ter medo de colocar os filhos pequenos na natação ou qualquer outro esporte. Basta consultar o pediatra e um bom educador físico para saber qual a atividade que ajudará no condicionamento físico da criança.

Para completar a receita e obter maior capacidade respiratória, tenha uma dieta completa e saudável. "Muitas pessoas, principalmente durante o verão, apresentam o que pode ser chamado de ‘síndrome do regime’. Querem fazer tudo de uma vez e se esquecem de fazer as avaliações necessárias, colocando a saúde em risco", diz o pneumologista.

Seguindo os passos direitinho, qualquer pessoa pode melhorar sua qualidade de vida, e ter mais disposição para encarar tanto atividades rotineiras quanto desafios maiores.

Comente

Últimas