Superalimentos

Conheça os alimentos que não podem faltar no seu prato

Superalimentos   Conheça os alimentos que não pode

Você já deve ter escutado por aí que ‘você é aquilo que come’, não é mesmo? Pois bem, se você quer garantir um organismo saudável, pele bonita e peso ideal, aposte nos superalimentos para enriquecer o seu cardápio diário e garantir assim uma alimentação mais saudável. Queridinho dos nutricionistas no momentos, os superalimentos são considerados importantes por serem fontes ricas de vitaminas, minerais, fibras e proteínas, ter ação antioxidante, além de fortalecer o sistema imunológico e prevenir algumas doenças crônicas.

Agora, se você já pensou que vai ser preciso gastar muito mais durante as compras do supermercado, saiba que talvez você já esteja consumindo esses alimentos e nem saiba. Um bom exemplo é a tradicional salada de alface e tomate temperada com azeite servida na maior parte das casas brasileiras possui ingredientes capazes de prevenis os problemas cardíacos e inibis o aparecimento das células cancerígenas. Viu só como não é tão difícil se cuidar?

Para quem gostou das dicas e se animou com a ideia de incorporar os superalimentos no cardápio, nós listamos abaixo alguns dos alimentos que não podem ficar de fora do seu carrinho no supermercado.

Beterraba - apesar de pouco apreciado, o legume é um grande aliado para quem precisa combater o cansaço para encarar as longas jornadas diárias. Estudo da Universidade de Exeter, no Reino Unido, descobriu que o nitrato encontrado na beterraba ajuda a reduzir o consumo de oxigênio, o que desacelera o ritmo do processo que leva o corpo ao cansaço. Para quem pratica atividade física é indicado consumi-lo antes do treino.

Cará - primo menos famoso da batata, esse tubérculo foi deixado de lado por ter um gosto parecido com a batata, mas não tão saboroso. No entanto, o alimento é uma poderosa fonte e carboidrato, ele auxilia na recuperação muscular pós-treino, além de trazer benefícios para o sistema imunológico e inibir a ação maléfica dos radicais livres.

Acelga - conhecida popularmente como couve-chinesa, essa hortaliça é uma rica fonte de vitamina A e C, capaz de regenerar as células do pâncreas, local onde há a produção de insulina, auxiliando assim no controle do diabetes. Bastante versátil, a acelga poder ser aproveitada ao máximo, tanto talos quanto folhas, além de ficar ótima crua ou refogada, dependendo do seu gosto. No entanto, quem tem tendência a desenvolver cálculos renais, precisa maneirar na quantidade consumida do alimento.

Batata-doce - apesar de bastante popular, não é todo mundo que é fã do tubérculo, seja pelo seu gosto adocicado ou pelas calorias extras, muitos preferem manter o alimento longe do prato. Mas, não é bem assim, apesar de conter duas vezes mais calórica do que a batata normal, ela é uma ótima fonte de vitamina C, fibras e potássio, o que não acontece com a batata convencional. Ou seja, aqui o valor nutricional vai falar mais algo do que o valor calórico. Basta maneirar na porção na hora de fazer o seu preto.

Brócolis - fonte de vitaminas A e C, a verdura proporciona quantidades significativas de proteínas, cálcio, ferro, além de ser rica em bioflavonóides e outras substâncias capazes de proteger o organismo contra o câncer, sem contar que é um alimento com baixo valor calórico e o alto teor de fibras.

Por Paula Perdiz

Comente

Últimas