Uvas: conheça os principais benefícios

Elas são antioxidantes, protegem o coração e combinam com diversas receitas

Uvas conheça os principais benefícios

Foto: Reprodução/Meg's Motivation

Chegando perto das festas de fim de ano, os brasileiros aumentam o consumo de uvas, seja por simpatia no Réveillon ou por que a fruta faz parte de várias receitas natalinas, vinhos e sucos. Para quem adota essas tradições, aí vai um apoio: as uvas de todos os tipos possuem inúmeros benefícios à saúde.

Pra começar, qualquer tipo de uva é rico em vitamina C, que auxilia no bom funcionamento do sistema imunológico e aumenta as defesas do corpo humano. "A fruta possui também carotenóides, vitaminas do complexo B, D, E e K e propriedades como catequinas e flavonóides, que mantêm o bom funcionamento da célula e tem ação antioxidante e anti-inflamatória, prevenindo o envelhecimento celular", explica a nutricionista do Hospital e Maternidade São Cristóvão, Cintya Bassi.

O ideal é que seja sempre consumida com a casca. A nutricionista explica que a casca da fruta, especialmente as de cor escura, concentra uma substância conhecida como resveratrol, que protege a fruta contra o ataque de fungos e age de maneira semelhante no organismo, promovendo uma ação cardioprotetora e auxiliando o controle do colesterol. "Isso faz com que o vinho e o suco de uva sejam considerados alimentos funcionais, ou seja, que beneficiam o organismo", complementa.

Existem vários tipos de uvas brancas e tintas e cada uma possui as suas particularidades. Luciana Salton, diretora executiva da Vinícola Salton, explica que a Chardonnay, Riesling e Pinot Noir são usadas para a elaboração de espumantes. "A Chardonnay também é utilizada na produção de vinhos brancos; já Cabernet Sauvignon, Merlot e Tannat são uvas tintas ideais para vinhos finos e as uvas Concord e Isabel são usadas para a preparação dos sucos", explica.

A diretora ainda reforça que o produto é rico em compostos bioativos, que além de nutrir, apresentam propriedades preventivas, capazes de diminuir o dano causado pelo estresse oxidativo - como o envelhecimento precoce e doenças cardiovasculares, entre outras.

"A fruta também melhora a função hepática, regenera as células do fígado, combate a acidez sanguínea, estimula a digestão, reduz a anemia, o cansaço e osteoporose. Tanto o suco de uva integral, quanto sua forma orgânica preserva suas características nutricionais, sendo igualmente ricos em nutrientes e nas propriedades funcionais como os flavonóides e resveratrol", finaliza a nutricionista.

Apesar de todos os benéficos, as uvas, os sucos e os vinhos devem ser consumidos com moderação, pois são calóricos. Uma uva tipo americano tem cerca de 60 calorias em 100 gramas. Já a as uvas verdes e vermelhas e do tipo europeu têm em média 70 calorias. Elas são fonte de carboidratos e ricas em frutose. Um copo de suco de uva integral chega a ter 100 calorias, enquanto uma taça de vinho tinto, 108 calorias e vinho branco, 99 calorias.

Apesar disso, ela está liberada para o consumo dos diabéticos, principalmente as uvas vermelhas, que possuem resveratrol na casca. Essa substância ajuda na prevenção de doenças cardiovasculares e na síndrome metabólica. Além disso, ela é rica em fibras que reduzem a absorção do açúcar contido na fruta.

As uvas também são alvo de agrotóxicos, absorvidos durante o plantio. No entanto, há como amenizar o seu consumo. A primeira opção em optar por uvas orgânicas. A segunda é consumir a uva na sua estação. O ciclo das uvas vai do verão até o outono. Outra dica caseira é deixar as uvas mergulhadas em água com vinagre antes do consumo, de 15 a 20 minutos.

Por Helena Dias


Comente

Assuntos relacionados: vitamina c uva

Últimas