Saiba tudo sobre micropigmentação

A técnica está virando a queridinha das mulheres e não é difícil entender o motivo
Micropigmentação de sobrancelhas

Foto: iStock/omegas

A micropigmentação 3D é a alternativa perfeita para quem quer melhorar a aparência das sobrancelhas, que são conhecidas como 'a moldura do rosto'. Além disso, a técnica é super indicada para disfarçar problemas como queda de cabelo e até mesmo refazer o desenho das aréolas dos seios em mulheres que já tiveram de ter as mamas reconstruídas.

Incrível não é? Segundo a cabeleireira e micropigmentadora Regiane Lapetina, do salão de beleza Infinity Espaço de Beleza, a micropigmentação, antes conhecida como 'maquiagem definitiva' é bem diferente da tradicional tatuagem.

"O equipamento utilizado na micropigmentação é diferente das máquinas utilizadas por tatuadores, bem como os pigmentos. A micropigmentação é feita com agulhas apropriadas que depositam os pigmentos apenas na epiderme (camada mais superficial da pele), que causa uma lesão sem cicatriz. Já a tatuagem deposita os pigmentos na derme (camada mais profunda da pele), causando uma lesão mais profunda e uma consequente cicatriz", explica.

Micropigmentação das sobrancelhas

No caso das sobrancelhas é usado a técnica 'fio a fio'. Nela, se faz o desenho de cada fio individualmente, acompanhando o crescimento natural da sobrancelha da mulher. "A idéia é colocar fios onde a cliente não tem, e fazê-los de forma a confundirem-se com os naturais", explica.

Na técnica, são usadas agulhas ultra-finas e de 1 a 3 cores de pigmentos para um efeito 3D, conforme avaliação do profissional.

É possível ainda, corrigir trabalhos antigos e cores indesejadas (azul, verde, laranja) e design mal feito, o que é ótimo para quem já se submeteu a procedimentos de beleza e não conseguiu o resultado desejado. Os resultados duram em média de 8 meses à 1 ano,  e devem ser retocados após esse período.

Micropigmentação de aréola

Já no caso de micropigmentação de aréola, o processo é um pouquinho diferente. Ainda segundo Regiane, o resultado é muito natural e pode-se camuflar até algumas cicatrizes ocorridas nas cirurgias reconstrutivas. "A técnica 3D dá o efeito de textura e profundidade ao desenho", afirma.

Uma grande vantagem, é que a micropigmentação não é um procedimento cirúrgico. "É menos invasivo. Usamos anestésico tópico local e não anestesias com agulhas. O risco de infecção é muito menor também, seguindo à risca o pós-procedimento indicado pelo profissional", diz.

A micropigmentação tem duração média de 12 a 18 meses, dependendo da pele e rotina da cliente. Após esse período, o desenho vai clareando gradativamente, podendo ser modificado (cor e formato) de acordo com a vontade da mulher.

Nos primeiros dias depois da técnica, é importante proteger a área pigmentada do sol e evitar passar cremes e nadar em piscina.

Seja aréola ou sobrancelhas, a escolha do profissional deve ser minuciosa. Procure um micropigmentador capacitado, com cursos de especialização. A experiência é imprescindível!

Pronta para ficar ainda mais bela?

Por Thamirys Teixeira


Comente

Aproveite o Dia dos Namorados para cozinhar receita deliciosas com o seu/sua crush!

Receitas para o dia dos namorados

Últimas

Copyright © 2021 e-Mídia